Alcinéa Cavalcante

Liberdade de expressão!
Macapá - Amapá

Dia: 22 de novembro de 2010

Orçamento – Raça Humana mobiliza

Postado por: Alcinéa Cavalcante em 22/11/10 as 11:26 pm

Após lançar Carta à Assembléia Legislativa do Estado, apresentando questionamentos quanto a forma de definição dos percentuais orçamentários para os poderes no Amapá, bem como sobre os valores repassados e a falta de transparência nos gastos da A.L., o Instituto Raça Humana reuniu sua diretoria, na última sexta-feira (19), para definir os próximos passos da ação. O Instituto, presidido pelo advogado José Ronaldo Serra Alves, decidiu lançar uma segunda carta, desta vez contendo informações sobre o percentual orçamentário do Tribunal de Contas do Estado e questionando mais uma vez a falta de transparência nos gastos.

Além das cartas públicas, o Raça Humana decidiu convidar várias entidades da sociedade civil, além de cidadãos e cidadãs que desejem se empenhar na causa do orçamento mais justo, para uma reunião que acontecerá nesta terça-feira (23), na sede do Sindicato dos Serventuários da Justiça, às 19 horas. “A idéia é mobilizarmos a sociedade para que ela se aproprie das informações sobre o Orçamento Público e sobre as distorções graves que nele encontramos”, explica Ronaldo Serra. Para ele, rever a distribuição dos recursos públicos pelos poderes é condição para que o estado recupere seu poder de ação no atendimento às necessidades básicas da população.

A mobilização proposta pelo Raça Humana também tem o objetivo de acompanhar os debates e a votação final do Orçamento de 2011, que deverá acontecer nas próximas semanas. Para chamar atenção da população, o Instituto vai realizar uma panfletagem no Centro da cidade, nos dias 25, 26 e 27 de novembro. Outra ação da entidade será o envio de ofícios para os deputados estaduais no intuito de sensibiliza-los a votar uma propsta orçamentária mais justa e que atenda as reais necessidades dos poderes.
(Texto: Márcia Corrêa, da Asessoria do Instituto Raça Humana)

Serviço:
Data: 23 de novembro

Local: SINJAP
(Av. Rua Carlos Gomes, 340, Santa Rita – A Rua Carlos Gomes é a continuação da Ernestino Borges)
Hora: 19 horas

Tarifa de ônibus permanece em R$ 1,90

Postado por: Alcinéa Cavalcante em 22/11/10 as 10:36 pm

A Prefeitura de Macapá conseguiu derrubar na justiça o aumento da tarifa de ônibus, que havia sido autorizado a passar de R$ 1,90 para R$ 2,10 desde a meia-noite. A Procuradoria Geral do Município interpôs um  Agravo de Instrumento junto ao Tribunal de Justiça, para reformar a decisão do Juízo da 1ª Vara Cível e de Fazenda Pública, que na sexta-feira havia sentenciado o município a majorar os preços das passagens.
A liminar suspendendo o aumento foi deferida pelo desembargador Raimundo Vale e anunciada hoje à tarde  pela prefeita em exercício de Macapá, Helena Guerra.
Estudantes e trabalhadores já haviam maracado um ato público para amanhã, às 13h30, na Praça da Bandeira contra o aumento da tarifa.

Chá das cinco

Postado por: Alcinéa Cavalcante em 22/11/10 as 5:00 pm

IMPERATIVO
Manoel Bispo Corrêa

Hora de atirar
pedras no rio
e esconder as mãos.
Hora de mergulhar
no vento frio
e driblar a solidão.
Hora de nem pensar
e apenasmente saber
o que vale sonhar.
Hora de retirar
a mordaça das palavras
e deixar que o espelho
reflita a prenhez da poesia.

(Do livro “Intátil” – Macapá, 2002)