Laguinho do samba e do amor

Laguinho do samba e do amor*
Por João Silva

No tempo em que não havia Câmara Municipal, políticos vaidosos e assessores ruins,daqueles que não assessoram coisa alguma, o macapaense mesmo ia usando a imaginação para dizer onde morava, onde trabalhava, onde se divertia, onde ficava isso, onde ficava aquilo.
Ruas, becos, animal de estimação, praças, bairros, morros, salão de festa, mangueira, baixada, esquina, bar e até baiúca, nada escapava da língua do povo que ia dando nome a cada pedacinho de Macapá, quase sempre homenageando moradores antigos ou figuras populares…Baixada da Maria Mucura, Burro do Pitaíca, Beco do Abieiro, Mangueira do João Assis, Igarapé das Mulheres, Bar do Barrigudo, Bairro Alto, Morro do Sapo, só para lembrar.
Alcy Araújo falava muito no Laguinho do samba e do amor. Uma noite de boemia tinha que começar no Berro d´Água, bar que ficava no canto do antigo INPS, em uma das portas de entrada do bairro, digamos. O Poeta do Cais tinha uma queda pelo Laguinho, achava o nome original, o povo alegre e amigo – ainda bem que Laguinho permaneceu Laguinho, mas depois Continue lendo

Nova diretoria do Conselho dos direitos da criança

Tomou posse hoje a nova diretoria do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) para o biênio 2018/2019.
No cargo de presidente foi empossada Marinei Giusti, que é diretora do Abrigo Marluza e representa a gestão municipal. Na vice-presidência foi empossado o padre Valdeni Costa de Jesus, da Escola Agrícola Padre Piamarta. Ele é o representante da sociedade civil.

Sistema inteligente no trânsito

A CTMac vai fazer  várias mudanças no sistema semafórico de Macapá. Uma delas é a implantação do chamado “sistema inteligente”  que controla o sincronismo dos semáforos  permitindo que os veículos façam grande parte do trecho com “onda verde”, sem ter que parar, considerando-se uma velocidade razoável.

Macapá tem 126 semáforos

A previsão é que o sistema comece a funcionar no dia 30 de janeiro.

Governo do Amapá lança Refis 2018 do ICMS

O Governo do Estado Amapá (GEA) lançou oficialmente nesta quarta-feira, 10, a edição 2018 do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) voltado para a regularização dos débitos relativos ao Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O decreto que valida as regras do Refis do ICMS para este ano, foi assinado pelo governador Waldez Góes, durante solenidade no Palácio do Setentrião.

Entre os benefícios aos empresários com a regularização fiscal está a participação nas licitações do GEA. O Refis 2018 do ICMS permitirá que empreendedores de pequeno, médio e grande porte, parcelem débitos fiscais com redução de juros e multas, estimulando a geração de emprego e renda.

Esta será a última oportunidade por um longo período de parcelamento da dívida, uma vez que, pelos próximos quatro anos, as facilidades estarão suspensas por decisão do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), órgão que regula as normas fiscais em todas as unidades da Federação. (Leia mais)

 

Duas pessoas morreram na explosão do barco Rio Jordão IV

Duas pessoas – Josidete Porfírio de Oliveira e Ronaldo Nunes Teles –  morreram na explosão do barco Rio Jordão IV e sete ficaram feridas. O barco explodiu ontem à tarde na área portuária de Santana.
O corpo de Josidete foi encontrado ontem por volta das 21h e o de Ronaldo na manhã de hoje.
O barco estava abarrotado de combustível. “Nas buscas pelos desaparecidos, foram identificados cerca de 15 botijões de gás, além de carotes com combustível”, disse o comandante do 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros (GBM), capitão Manoel Nunes.

De acordo com a Capitania dos Portos a embarcação era de Gurupá (PA) e estava com toda a documentação em dia.