Cruzando os mares na nau das letras

Mais uma vez cruzando os mares na nau das letras lá vou eu.
Desta vez aporto na antologia “Vozes Portuguesas”, do Núcleo Académico de Letras e Artes de Lisboa (NALAL), com o conto “A Pedra Encantada do Guindaste”.
A antologia, que reúne 52 escritores de língua portuguesa, será lançada dia 26 de maio em Portugal na VI Bienal de Culturas Lusófonas. É um trabalho belíssimo do presidente do NALAL, escritor António Manuel Palhinha. Será lançada também em outros países. No Brasil, por exemplo, deverá ser  no mês de julho em Florianópolis (SC).

O meu conto “A Pedra Encantada do Guindaste” foi publicado pela primeira vez na antologia Lindas Lendas Brasileiras (Ed. Scortecci/Rebra) lançada em São Paulo em 2014. Considerado pela Rede de Escritoras Brasileiras como um  melhores contos brasileiros ele foi inserido na antologia “As melhores obras deste século”  (Ed, Scortecci)  lançada no inicio deste mês em São Paulo.

Núcleo Académico de Letras e Artes de Lisboa
O NALAL  tem por objetivo agregar artistas que de alguma forma contribuem em caráter sócio-educativo em prol do desenvolvimento cultural e propagação da Língua Portuguesa.
De acordo com o Artº.2º do Estatuto, o Núcleo “tem por objeto o estudo e desenvolvimento das letras e artes, em especial as que se relacionem diretamente com a cultura ligada à língua portuguesa.”

No início de  2014 meu nome foi indicado  para ingressar no NALAL e foi aprovado com louvor, honra e por unanimidade. Na ocasião fui homenageada com  a medalha de correspondente internacional com registro no gabinete real português.

Para perfumar teu domingo

Te ofereço esta linda rosa do meu jardim para perfumar, alegrar e enfeitar teu domingo

Chá ou suco? Você escolhe

Cultivado no meu quintal

Capim marinho (ou capim santo) é  uma delícia. Em dias frios vai bem o chá; em dias quentes, o suco.

Chá
Coloque quatro folhas cortadas em pequenos pedaços numa xícara, adicione água fervente, tampe a xícara e espera cinco minutos para ficar numa temperatura agradável. Pronto! Agora é só beber. Se quiser pode adoçar com açucar o mel.
Se quiser incrementar coloque um pedacinho de gengibre.
Ah, em vez da água você pode colocar leite. Fica mais gostoso ainda.

Suco
Bata quatro folhas no liquidificador com um copo de água, acrescente suco de dois limões, adoce com açucar ou mel e sirva com umas pedrinhas de gelo.

Benefícios para a saúde
Capim marinho é bom para combater dores de cabeça, costas e estômago; diarreias, cólicas, artrite, febre, gases, ansiedade, insônia , dentre outras coisas.

Alerta da CEA em tempo de chuva

No Amapá, as fortes chuvas têm ocasionado inundações e alagamentos o que aumenta os riscos de acidentes com a rede elétrica nas ruas e residências

Em situações de chuvas fortes e de aumento do nível das águas a população deve redobrar os cuidados com as instalações elétricas dentro e fora dos imóveis. A Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) orienta cuidados básicos para evitar graves acidentes:

 Em casa:

Ø  Durante tempestades com raios retire das tomadas equipamentos elétricos;

Ø  Ao primeiro sinal alagamentos, eleve equipamentos e fique atento ao nível de subida das águas;

Ø  Desligue a chave geral do imóvel, caso a água atinja níveis que possam alcançar as tomadas;

Ø  Não deixe extensões ou cabos elétricos em contato com a água;

Ø  Não toque equipamentos elétricos ou faça manutenções com os pés molhados ou dentro da água;

Ø  Por precaução, sempre considere as instalações elétricas energizadas, mesmo quando o sistema de distribuição estiver desligado.

Nas ruas

Ø  Não fique em baixo de árvores e estruturas metálicas durante temporais com raios;

Ø  Durante tempestades podem cair árvores sobre a rede elétrica ocasionando o rompimento de cabos, a orientação é manter distância e entrar em contato com a central de atendimento da CEA 0800 0960196;

Ø  Nunca se aproxime de pessoa ou objeto que esteja em contato com a rede elétrica;

Ø  Em caso de rompimento de cabos sobre um carro, recomenda-se que o ocupante permaneça no interior do veículo e acione o socorro médico e a CEA, pois ao descer poderá sofrer a descarga elétrica;

Ilha das Cinzas – Exemplo de desenvolvimento sustentável

Os benefícios conquistados pela comunidade ribeirinha Ilha das Cinzas, localizada no arquipélago do Marajó (Pará), por meio do projeto “Desenvolvimento comunitário sustentável no estuário amazônico”, foram vistoriados pela Financiadora de Estudos Projetos(Finep), empresa pública vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia. O projeto de pesquisa e desenvolvimento é viabilizado por meio de uma parceria entre a Associação dos Trabalhadores Agroextrativistas da Ilha das Cinzas (Ataic) e Embrapa Amapá, com aporte financeiro de quase R$ 1 milhão da Finep. Esse recurso é fruto do prêmio Melhor Tecnologia Social, recebido pela Ataic.

O gerente Carlos Eduardo Sartor, e o analista técnico Felipe Arias Fogliano de Souza Cunha acompanharam de perto os sistemas de abastecimento de água e tratamento de esgoto, manejo do pau mulato e de açaizais nativos, sistema de energia solar, produção de energia de biomassa e de meliponicultura com abelhas nativas sem ferrão. Continue lendo

Bom dia!

Terceirização – Veja como os deputados do AP votaram

Publicado em: Nacional Ir para o Post
  • Sinto pelos brasileiros que serão vítimas do “ato irresponsável” daqueles, pouco mais de duzentos, que se dizem “representantes do povo” (nunca o foram e nunca o serão).
    Estou sonhando que esses “deputados” Amapaenses que contribuíram e com aqueles que não tiveram coragem de assumir a “barbárie” imputada ao trabalhador brasileiro,venham “descaradamente” pedir “meu voto” visando permanecer com as “benesses”. Eu, pessoalmente, “JAMAIS ESQUECEREI SEUS NOMES!!!”.
    Tentem justificar sua “asneira” desenterrando, depois de vinte anos, esse “monstrengo” que é a “terceirização irrestrita”. Do qual se constata a inversão de valores de “pseudos” legisladores (não todos), ou seja, legislando em causa própria em detrimento aos interesses do povo trabalhador e dependente de segurança na relação de trabalho (patrão e empregado), o qual, consequentemente, sofrerá seus efeitos. Que, por sinal, é questionada pela ANAMATRA (ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS MAGISTRADOS DA JUSTIÇA DO TRABALHO) que em nota, entre outros argumentos, ressalta: “QUE A PROPOSTA ACARRETARÁ PARA MILHÕES DE TRABALHADORES, NO BRASIL, O REBAIXAMENTO DE SALÁRIOS E DE SUAS CONDIÇÕES DE TRABALHO”.
    Eu, como uma minoria e sendo profissional liberal, não dependo de “carteira assinada”, porém como “ser humano” penso nos milhões de brasileiros que ficarão vulneráveis aos interesses daqueles que possuem o poder de determinar como alguém será contratado ou descontratado. Por conseguinte, o trabalhador ficará a mercê dos patrões. “ISSO, NO MEU ENTENDIMENTO, É ESCRAVIDÃO!!!”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um presente super bacana

Ganhei hoje de um grande amigo esses dois DVDs. Claro que vou passar a noite assistindo.
Fiquei imensamente feliz com o presente.
Tenho muitas paixões na vida e meus amigos sabem que uma delas é Hemingway. Já li e reli toda sua obra e tenho quase todos seus livros. Gosto do seu estilo, com frases curtas, parágrafos breves que nos dão a sensação de fotografias em movimento.
Obrigada, obrigada, muito obrigada, meu amigo, pelo belo e pra sempre presente.

Saudades do velho Hem
Numa tarde quieta e cinzenta de janeiro de 2013 me deu uma saudade danada dele e fiz um texto falando um pouco dessa paixão, que você lê clicando aqui

CVV abre inscrições para seleção de voluntários

O Centro de valorização da Vida (CVV), serviço de apoio emocional e prevenção do suicídio, está com inscrições abertas para o Processo de Seleção de Voluntários (PSV) que acontece neste domingo (26), das 8h às 12h e de 14h às 18h, na sede do Instituto do Câncer Joel Magalhães – Ijoma (Avenida Dr. Silas Salgado, número 3586, bairro Alvorada).
As inscrições podem ser feitas na hora ou pelo email macapa@cvv.org.br

As únicas exigências para quem deseja ser um voluntário do CVV é ter disponibilidade de pelo menos quatro horas e meia semanais para o atendimento, ter mais de 18 anos e vontade de conversar com qualquer pessoa que busque ajuda, sem críticas ou preconceitos.