E a Banda passou

Arrastando uma multidão A Banda passou – como acontece toda terça-feira gorda em Macapá. Milhares de foliões acompanharam as dezenas de trios elétricos pelas ruas da cidade, pulando, cantando, beijando, se divertindo a valer. Uns fantasiados, outros não – mas a alegria foi geral.
A segurança foi impecável. Centenas de policiais garantiram a segurança dos brincantes durante todo o trajeto. Equipes do Corpo de Bombeiros, Samu, ficaram de prontidão em vários pontos.
Os ambulantes se postaram nas calçadas vendendo de tudo: cerveja, água, churrasquinho, refrigerantes, batatas e bananas fritas.
Os pátios das casas por onde A Banda passou se transfomaram em camarotes. Nas esquinas, caminhões e pick-ups estacionados também serviram de camarotes.

Mas faltou na Banda marchinhas de carnaval e sambas de enredo. Os trios elétricos tocaram muito axé, brega e melody, inclusive próprio trio oficial da Banda.
Destaque para o trio “Demolidor”  e uma banda de metais –  únicos que passaram na Banda tocando marchinhas de carnaval.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *