Culto ecumênico e samba nos 64 anos de Boêmios do Laguinho

A Universidade de Samba Boêmios do Laguinho festeja dia 2 de janeiro, a partir das 20h, os 64 anos de fundação da agremiação que terá como temática Show “Tributo a Malandragem”. O evento será realizado no Theatro do Samba, sede da agremiação no Laguinho.

Para o presidente da agremiação, Fernando Canto, a festa do dia 2 representa a consolidação das tradições da Nação Negra. São 64 anos de Carnaval e paixão pela cultura,  que tornou a Universidade de Samba Boêmios  do Laguinho a maior agremiação  carnavalesca do Estado do Amapá e a maior vencedora dos desfiles oficiais.

“Embora o Carnaval não venha tendo o apoio que merece  por parte dos órgãos oficiais, nunca deixaremos de fazer alguma coisa por ele, visto o mesmo estar entranhado no coração de cada membro da comunidade”, disse o presidente.

A programação inicia pela manhã as 8:30h com culto ecumênico e em seguida café da manhã.

A noite a partir das 20h a festa conta com os shows de Jorginho do Cavaco e a roda de samba dos Moreiras, além da apresentação da escolinha de passistas e de Mestre-sala e porta- bandeira, baianas, velha guarda, os intérpretes da Nação, bateria Pororoca e a comissão de frente. A entrada é gratuita.

(Texto e foto: ASSCOM/AUSBL)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *