O concurso furreca da Liesa

Quase ninguém levou a sério o concurso para escolha do Rei Momo que a Liga das Escolas de Samba do Amapá está promovendo, até porque cabe às prefeituras a realização deste tipo de concurso.
Mas como em Macapá tudo acontece, a Liesa decidiu destronar Sucuriju e fazer o concurso.
A prova de que quase ninguém  leva a sério o tal concurso é o número de inscrições. Apenas três candidatos foram inscritos: João Bosco, ritmista de Unidos do Buritizal; Sandro, aderecista do Solidariedade; e Aracinaldo Costa, diretor de patrimônio da Liesa.
A escolha será feita pela diretoria da Liesa e presidentes das escolas de samba hoje à noite.
Dos três candidatos o mais conhecido é Aracinaldo Costa.

  • Ontem foi olhar o esaio da escola piratão, na verdade sai de lá com um zimbido enorme no ouvido por conta da barulheira que fazia a bateria da escola, pois a qualidade do som era péssima no entanto que a polícia ambiental foi acionada para mandar cancelar o ensaio, nossa uma escola que diz ser a melhor, não parece, não tem nem qualidade no som imagine a bateria, no mais ainda foi dançar a frente da bateria uma menina que não sabia nem cantar o refrão da escola, coitada não deram nenhum chiclete pra coitada para fingir que tava cantando. É mole.

  • Querida Alcinéa gostaria muito de uma ajuda sua, é que estou a procura do livro “MORTE NAS ÁGUAS” já fui em várias livrarias e não o encontro, você sabe me dizer onde posso encontrar este livro para compra. Ficarei muito agradecida se puderes me ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *