Eles se amam e amam Macapá

Especial Macapá 255 anos

casaisCasais Marli e Hernani Vitor; Verônica e Jarbas Gatto e Idália e Paulo Lobato. Eles fazem parte da história de Macapá e muito contribuíram – e ainda contribuem – para tornar essa cidade melhor. Impossível falar de música, política e magistério sem citá-los. E são exemplos de amor, companheirismo e casamento duradouro

Começou a limpeza dos canais

canal3

Os canais da avenida Mendonça Júnior, no Centro, e do bairro Perpétuo Socorro foram os primeiros a receber, nesta segunda-feira, 21, homens e máquinas da Prefeitura de Macapá. A ação integra o Plano Emergencial que vai coloca para funcionar serviços da Prefeitura Municipal de Macapá (PMM) que não estavam atendendo às necessidades da população.

As secretarias municipais de Urbanismo (Semur) e de Obras (Semob) estão à frente das atividades, que vai limpar ainda os demais canais da cidade.

O prazo para que o Plano Emergencial seja colocado em prática é de aproximadamente três meses. A estratégia de trabalho foi instituída em 1º de janeiro, nesta mesma data, o lixo doméstico começou a ser recolhido.

Funcionamento de Unidades de Saúde, pagamento de salários atrasados, remoção de lixeiras viciadas, limpeza de áreas de ressaca e remoção de entulhos também fazem parte do Plano. Para que os serviços fossem executados foi necessário que o prefeito Clécio Luís tomasse outra medida emergencial – fazer contingência nos cargos e contratos para redução da folha de pagamento.

A partir desta semana começam a ser retirados dos canais restos de animais, lixo doméstico, mato, carcaças e outros objetos jogados pela própria população. Para evitar que esse descuido volte a acontecer, a Prefeitura planeja promover a educação ambiental em escolas e outros espaços públicos e intensificar a fiscalização. Os dois canais estão passando por higienização simultaneamente, o prazo para limpar o do Centro é de dez dias e do Perpétuo Socorro, de duas semanas.

A remoção mecanizada de lixeiras viciadas e de entulhos em praças e cemitérios inicia nos bairros Perpétuo Socorro e Cidade Nova nesta semana. Estima-se que o prazo para a conclusão desses serviços será de 15 dias. Os trabalhos de limpeza das áreas de ressaca terão inicio também nesta semana. A definição das áreas que receberão as equipes de limpeza é de competência do Departamento de Gestão Sustentável de Resíduos Sólidos (Dgsrs/Semur), com prioridade às áreas de ressacas em situação de grande acúmulo de lixo.

Além de uma equipe de vinte servidores municipais, a Secretaria de Manutenção Urbanística (Semur) estuda a possibilidade de contratar moradores das áreas de ressaca onde ocorrerão as ações, para a realização dos serviços. O prazo para a conclusão é de 15 dias.

O prefeito Clécio Luís esteve no local acompanhando a operação
O prefeito Clécio Luís esteve no local acompanhando a operação

“Estamos cumprindo nosso compromisso e limpando a cidade. A Prefeitura está fazendo a sua parte, mas queremos contar com o apoio de moradores para que os canais e áreas de ressaca permaneçam limpos. Temos que formar uma grande frente de trabalho”, disse o prefeito.

“Há cinco anos esse canal não recebia limpeza, sofríamos com o transbordamento, mau cheiro, sem contar que a cidade perde a beleza e nosso patrimônio fica desvalorizado”, falou a dona de casa Oziane Siqueira, moradora da Mendonça Junior.

(Mariléia Maciel – Asscom Gab/PMM)

Eles tem a cara de Macapá

Especial Macapá 255 anos

confra

Sobral e Cristiano

Eles sabem muito sobre esta cidade, seus moradores, cultura e tradições. Se destacaram no samba e no futebol. Sobral é inesquecível como “puxador de samba” de Maracatu da Favela nos antigos carnavais. Participou de festivais da canção e com amigos criou o conjunto “Café com Leite” para tocar e cantar samba da melhor qualidade. O nome – Café com Leite – era porque a banda era formada por negros e brancos. Cristiano – o Raimundo Maia Barreto – durante décadas foi o único tocador de cuíca que existia por aqui. O ronco da sua cuíca ecoava no carnaval na bateria de Piratas da Batucada. Cristiano foi jogador e árbitro de futebol. Dizem que ele era tão danado em campo que certa vez bateu o escanteio, correu para cabacear e fez o gol.
Os dois hoje estão aposentados e sempre à tardinha estão na Confraria Tucuju contado causos, piadas e histórias de Macapá.

Cinco dias de festa para Macapá

Macapá 255 anos

As comemorações iniciam no dia 31 de janeiro e culminarão no dia 4 de fevereiro, com a programação da Confraria Tucuju. Cortejo artístico, corte do bolo, missa, shows culturais, exposições, Marabaixo, almoço e atividades esportivas estão previstos para os cinco dias de homenagens.

Com o tema “Macapá vamos cuidar de você”, a programação foi ampliada e será realizada a partir da parceria entre Governo do Estado, Prefeitura de Macapá e Confraria Tucuju. Para o coordenador de Eventos do GEA,  Jean Alex, a proposta é mobilizar a participação de toda a comunidade macapaense.

“Além da tradicional festa promovida no dia 4 de fevereiro, no Largo dos Inocentes, pela Confraria Tucuju com apoio do Governo do Estado, a população terá a oportunidade de prestigiar diversas atividades proporcionadas pela Prefeitura”.

A presidente  da Fundação Municipal de Cultura, Márcia Corrêa, disse que a ideia de sair do centro da cidade e levar atividades culturais para outros bairros da capital é uma forma de envolver e oportunizar aos munícipes o conhecimento do potencial artístico-cultural existente no município, daí a proposta de aproveitar os locais da capital onde há maior concentração de pessoas, como feiras, pontos de ônibus e praças.

“As Praças Vivas e cortejos teatrais são umas das novidades deste ano, como forma de aproximar a população dessa programação, que também tem por objetivo levar a mensagem a todos, que é o sentimento de cuidar do nosso município“.

Programação

31 de janeiro (quinta-feira)

8h – Corredor Verde – Parque dos Buritis

17h – Cortejo artístico e atividades com palhaços, malabaristas, pernas-de-pau, recitador de poesias, dentre outros atores culturais percorrendo as feiras da capital

18h – Apresentações de música instrumental, Marabaixo e estátuas vivas – Pontos de ônibus da Praça da Bandeira, PMM, Orla I, Orla II, Veiga Cabral, Rua São José, Ciosp do Novo Horizonte, Hospital Metropolitano, Orla III e Praça do Buritizal

19h – Minicurso de História de Macapá

1° de fevereiro (sexta-feira)

16h30 – Shows culturais e a cerimônia de regulamentação da Lei do Patrimônio, com a presença de autoridades e a comunidade – Mercado Central

2 de fevereiro (sábado)

8h às 9h – Cortejo artístico e atividades com palhaços, malabaristas, pernas-de-pau, recitador de poesias – bairro Perpétuo Socorro

12h – Almoço e torneio com participação da imprensa local

3 de fevereiro (domingo)

9h às 10h – Cortejo artístico com palhaços, malabaristas, recitadores de poesia e outros artistas – bairro Novo Horizonte

9h – Projeto Praça Viva I com teatro, música, dança, poesia, distribuição de mudas de ornamentais e frutíferas

16h30 – Projeto Praça Viva II – Praças Jardim II, Zerão e Marabaixo

4 de fevereiro (segunda-feira)

6h – Alvorada de canhões da Fortaleza – Fortaleza São José de Macapá

7h – Missa – Igreja São José

8h – Hasteamento do Pavilhão Nacional – Avenida Mário Cruz – Confraria Tucuju

8h30 – Encontro das bandeiras do Marabaixo – Avenida Mário Cruz – Confraria Tucuju

9h – Cerimonial a Avenida Mário Cruz – Confraria Tucuju

10h – Corte do bolo – Avenida Mário Cruz – Confraria Tucuju

12h – Distribuição de feijoada – Avenida Mário Cruz – Confraria Tucuju

13h – Exposição de fotos antigas da cidade – Largo dos Inocentes – Formigueiro

14h – Show no Largo dos Inocentes

( Com Andreza Sanches/Secult)

Elas amam Macapá

Especial Macapá 255 anos

Através do jornalismo elas contribuem para fazer Macapá melhor e o macapaense muito bem informado. Por conta disso,  em 2011, no dia do aniversário da cidade,  elas foram homenageadas pela Câmara de Vereadores com o “Mérito da Comunicação”

mérito4Ana Girlene, Alcilene Cavalcante, Márcia Corrêa e Alcinéa Cavalcante

Especial Macapá 255 anos

Eles tem a cara de Macapá.
Nas manhãs de domingo eles estão sempre na Banca do Dorimar, na Praça Veiga Cabral. Falam de política, futebol, jornalismo. Contam causos, piadas e histórias e vivem declarando amor por Macapá

014Haroldo Vitor, Jocy, Aníbal Sérgio, Norberto, Tadeu Pelaes e João Silva

Macapá tem

3efsAmassadeira de açaí (que no Pará chamam de vitaminosa) de todo jeito e em todo lugar.
A bandeira vermelha indica que já começou a venda

Macapá tem…

umacasaCasa com janelas venezianas, sem muro e sem grades

E como é bom de tardinha, colocar as cadeiras na frente da casa (que parece que foi plantada no meio de um bosque) e jogar conversa fora com os amigos, tomando um cafezinho ou um suco de maracujá.

“Venezianas que não sejam verdes são um revoltante crime contra a natureza.” (Mario Quintana)

Retrato do descaso com o dinheiro público, saúde e educação

Abandonados num galpão no bairro Santa Rita  e servindo de criadouros de mosquito da dengue vi – e fotografei para mostrar pra vocês – dezenas de veículos da Prefeitura Municipal de Macapá. São kombis para transporte escolar, ambulâncias e até um gabinete odontológico. Vários desses veículos foram adquiridos com verbas federais.
E enquanto a dengue toma conta de Macapá, veículos doados pelo Ministério da Saúde que deveriam ser usados para o combate à dengue se transformaram em hotel para o mosquito.
Há também dois carros de passeio  modelo Gol.

Confira nas imagens o descaso com o dinheiro público, educação e saúde: