Lei Aldir Blanc: Fumcult realiza escuta pública com segmentos culturais

A Fundação Municipal de Cultura (Fumcult) realiza nesta sexta-feira (22), às 18h no auditório da sede do bloco A Banda,  uma escuta pública com segmentos culturais sobre a execução dos recursos remanescentes da Lei Aldir Blanc. O objetivo é alinhar com os artistas a composição do edital que deve ser lançado até o fim do mês.

Em janeiro deste ano, o governo federal autorizou a manutenção dos recursos da Lei Aldir Blanc que não tenham sido empenhados e inscritos em restos a pagar em 2020. Com o comunicado, estados e municípios mantiveram os recursos nas contas geradas para operacionalização da lei, e agora estarão disponíveis para novo edital.

A Fumcult tem em conta de restos a pagar o valor de R$1.491.000,00, que segundo o presidente Olavo Almeida, será investido por meio de edital em alinhamento com os artistas.

“Vamos discutir a execução desse valor que temos em caixa e promover políticas públicas tendo como parceiros os artistas de Macapá. Não é um grande valor, mas será investido da forma mais justa possível”, ressaltou o presidente.

(Secom/PMM)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.