Projeto “Ao vivo lá em casa”- Secult divulga lista dos habilitados

A Secretaria de Cultura do Amapá (Secult/AP) divulgou, nesta quarta-feira (17), o resultado preliminar dos habilitados e inabilitados do projeto “Ao Vivo Lá Em Casa”. No total, foram apresentadas 249 propostas, sendo 91 aprovadas por uma comissão formada por técnicos da Secult e do Conselho Estadual de Política Cultural (CEPC). Veja aqui a lista dos habilitados

Os proponentes indeferidos na seleção podem até hoje (18)  interpor recurso, por meio do e-mail: [email protected]

Para efetivar a contestação do resultado da seleção, os inabilitados devem encaminhar um e-mail para o correio eletrônico disponibilizado pela Secult, com a descrição “Recurso – nome do proponente”. Na mensagem, o proponente deve expor a motivação para o recurso e, em caso de dúvida, a Secult também disponibiliza o telefone (96) 98808-0736 ou www.secult.ap.gov.br.

O edital alcançou os diversos segmentos culturais do Estado, com atrações virtuais propostas por pessoas físicas e jurídicas da música, teatro, artes visuais, capoeira, dança, audiovisual, circo, literatura, cultura popular, audiovisual, culinária regional, política cultural, entre outros. Deste modo, serão disponibilizados pela internet: shows podcasts, contações de histórias, oficinas e apresentações variadas, todas com apoio da Secult.

A iniciativa tem como principal objetivo auxiliar atores, atrizes, cantores, cantoras, poetas, poetisas, Djs, contadores de histórias, enfim, artistas e técnicos que integram a cadeia produtiva da cultura e das artes que, nesse momento de isolamento social imposto pela pandemia da Covid-19, estão impossibilitados de executar suas atividades.

O resultado final será publicado no sábado (20). Os selecionados farão duas apresentações do conteúdo, no período de 60 dias, sendo por sessão digital para que a Secult reproduza em suas redes sociais (Facebook e Instagram) ou canais streaming e a transmissão online (Live) pelos canais virtuais dos próprios inscritos. Todas as propostas selecionadas receberão o investimento de 2 mil reais, pagos em duas parcelas durante o período de execução.

(Fonte: BlogDeRocha)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *