Eleições 2012 – A rica e o pobre

A campanha mais rica na disputa pela Prefeitura de Macapá deverá ser a de Cristina Almeida, do PSB – partido que está no governo.
Cristina declarou ao TRE que o limite de gastos de sua campanha será de R$ 6 milhões.

No outro extremo está o candidato do PSTU, Genival Cruz. Ele declarou que pretende gastar no máximo R$ 50 mil.

Os outros:
Roberto Góes (PDT) – R$ 3,2 milhões
Davi (DEM) – R$ 2,95 milhões
Clécio (PSOL) – R$ 1, 9 milhão
Milhomem (PCdoB) – R$ 1 milhão

  • SABEMOS QUE TAIS VALORES NÃO CONDIZ COM A REALIDADE DOS BOLSOS, ALCINEA SE HOUVESSE UM RIGOROSO CUMPRIMENTO DA LEI EM RELAÇÃO A BOCA DE URNA, QUEM VOCE QUE GANHARIA A ELEIÇÃO SEM DINHEIRO? EU APOSTO QUE O CLÉCIO É O MAIS SIMPATICO COMO PESSOA!

  • Acho que a única verdadeira é dp PSTU. Todos os demais candidatos irão gastar muito mais do que isso na campanha..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *