Rodada de entrevistas na TV e no rádio

A partir desta segunda-feira. 30, o programa Estado é Notícia (TV Tucuju) promove uma série de entrevistas com os candidatos à prefeitura de Macapá.

“A entrevista – com caráter predominantemente propositivo – vai tratar dos seguintes temas: Emprego, assistência básica (saúde), habitação, transporte coletivo, educação e pavimentação de ruas”, diz o jornalista Patrick Almeida, um dos apresentadores do programa.

Ele informa também que as entrevistas vão começar às 12h25 e serão transmitidas ao vivo pela TV Tucuju (Canal 24)  e por diversas emissoras de rádio espalhadas pelo Amapá, além dos distritos da capital.

Cada candidato terá o tempo de 30 minutos para expor suas ideias. Patrick Almeida ressalta que  a produção do programa não aceitará que nenhum entrevistado aja de forma desrespeitosa ou ofensiva contra os outros concorrentes, independente de coligação ou partido.

Será permitida a participação de internautas, via e-mail. Dentre as sugestões, a produção do programa vai selecionar uma pergunta para cada candidato responder, mas serão são vedadas perguntas desrespeitosas e ofensiva.

Eleitores que não tem acesso à internet ou que não costumam usá-la também poderão participar. A produção do programa vai colher perguntas, relacionadas aos temas acima citados, nas ruas da cidade. Dentre as perguntas gravadas, duas serão escolhidas e respondidas pelo candidato.

ROTEIRO DA ENTREVISTA
A primeira e a terceira pergunta de cada bloco será feita pelo apresentador Reginaldo Borges, mediante sorteio feito pelo candidato. Enquanto  a segunda pergunta de cada bloco será feita por eleitores.

Após a terceira pergunta ou ao atingir o tempo de 15 minutos decorridos da entrevista será feito um intervalo de 3 minutos. Na volta do intervalo o candidato responde mais três perguntas seguindo as mesmas regras do primeiro bloco.

ORDEM DAS ENTREVISTAS
30.07 – Roberto Góes (PDT)
31.07 – Davi Alcolumbre – (DEM)
01.08 – Genival Cruz (PSTU)
02.08 – Cristina Almeida (PSB)
03.08 – Evandro Milhomem (PC do B)
04.08 – Clécio Luis (PSOL)

    • Sendo tendencioso ou não, é dever dela, assim como, dos demais irem aos debates sim. O povo não é mais besta… Quem presta o mínimo de atenção diferencia bem o estelionatário politíco do jornalista de verdade, assim como, um ex-paduda e um (a) candidato (a) de peso.

  • É só você perceber o tom da voz dos jornalista quando se reportam ao Roberto e a Cristina. Não existe nenhum profissionalismo nesses jornalistas da TV Tucuju, vamos ignorar esse programa. TV Amapá merece o nosso respeito.

  • Esse programa e seus jornalistas são tendenciosos ao extremo, não conseguem ter habilidade nem para fingir que apóiam o Prefeito. As únicas entrevistas ou debates que o povão vai se interessar de verdade será o da TV Amapá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *