2º Turno – REDE e PPL declaram neutralidade

Dizendo que os dois grupos políticos (PSB e PDT) que se alternam no poder há 24 anos são os responsáveis pelos problemas atuais do Estado do Amapá, os partidos REDE e PPL informaram hoje que ficam neutros neste segundo turno das eleições para o governo do Amapá.
Em nota e nas redes sociais, os dois partidos orientam  seus filiados a não se manifestarem a favor de qualquer um dos dois contendores em disputa (Waldez Góes e João Capiberibe), “pois esses dois grupos políticos que se alternam no poder são os responsáveis pelos problemas atuais do Estado do Amapá. Logo, não podem ser parte da solução”

REDE e PPL enfatizam que estão construindo e apresentando um caminho alternativo para Amapá baseado na experiência do prefeito Clécio em Macapá e no mandato do senador Randolfe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *