Marabaixo e batuque na plenária de Milhomem

Uma festa democrática aos sons do marabaixo e batuque, nos anarriês dos festejos juninos e com muito samba no pé, marcou a quarta plenária com os segmentos culturais que estão declarando apoio à Milhomen 1266, candidato a deputado federal.

Durante a plenária, Milhomen ressaltou a valorização dos artistas, dizendo da importância da cultura na vida de todos. “A importância da cultura em nossas vidas é a substância de que nós poderemos ter uma vida de sonho, de palco e de salário. Artista vive de sonho, artista precisa de palco, mas artista também precisa de salário, precisa ganhar por sua genialidade”

O marabaixo e batuque também se fizeram presente na plenária com a participação de festeiros e marabaixeiros do Laguinho, da Favela, do Curiaú, do Malocão do Pedrão e outras comunidades tradicionais do Amapá.

Rosa Ramos, filha nascida nas terras do Curiaú, disse com veemência…” Vamos colocar este homem no lugar de onde ele nunca deveria ter saído como Deputado Federal. O Milhomen, e aí eu falo em nome de todas as comunidades tradicionais desse estado, a gente faz cultura o ano todo, e mesmo fora do período político, o Milhomen sempre esteve presente nos eventos tradicionais do nosso Amapá. O que precisamos agora é de um projeto que mantenha viva as festividades tradicionais, e eu sei que com Milhomen em Brasília, isso será possível”.

E nos folguedos juninos, Milhomen foi recepcionado por diversos grupos juninos de Macapá e Santana. Cláudio Vaz, presidente da Liga Junina de Macapá falou da importância de Milhomen em Brasília. “Muitos falaram e falam, mas ninguém se identifica representante da cultura como você. Agora eu quero saber onde estavam os deputados federais quando precisávamos deles, todos sumiram e agora aparecem querendo ser isso e aquilo. Em nome do meu segmento e em nome do meu grupo quero dizer pra você que conte conosco”, disse Vaz.

(Texto: Assessoria de Comunicação do candidato – Foto: Paulo Gil)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.