O Amapá é ouro

ouro2Depois do taekwondo, com o atleta Venilton Torres, que ficou em quarto lugar no Pan-Americano de Toronto, no Canadá, agora foi a vez do jiu-jitsu amapaense mostrar um resultado expressivo. O Sargento da Polícia Militar Nilo Silva assegurou o primeiro lugar no Campeonato Mundial de Jiu-jitsu, na categoria máster leve. A competição ocorreu no último fim de semana, em São Paulo.

Lotado no 4º Batalhão da PM, localizado no município de Santana, ele está há 13 anos na força policial. Nilo Silva conta que pratica nas folgas o jiu-jitsu e o judô para ajudar em suas atividades policiais, pois, segundo ele, o autocontrole e o emprego de técnicas das artes marciais o ajudam no dia a dia.

“O esporte vem como uma atividade de lazer e diversão que me ajuda bastante na minha profissão. Sou policial militar e o resultado da conquista do mundial só vem premiar o esforço de preparação para as competições”, disse.

Para a competição internacional, o sargento treinou, em média, três a quatro vezes por semana. Nilo já conquistou um Norte-nordeste, um Pan-americano e Sulamericano de jiu jitsu. No mundial, em São Paulo, fez três lutas para garantir a primeira colocação em sua categoria. Venceu a primeira por 19 a 0. No segundo confronto, finalizou o adversário com um estrangulamento e, na finalíssima, também aplicou um estrangulamento.

“Não foi nada fácil, os adversários eram de muita técnica e foi preciso manter a calma. Consegui impor meu ritmo e não dei chances de contra golpe. Esse resultado é a realização de um sonho. Tracei essa meta no início do ano e consegui. Agora só resta comemorar e tenho certeza que meus amigos e parentes aí no Amapá, estão felizes por mim”, afirmou Nilo logo depois de conquistar o título.

Além do Brasil, participaram da competição atletas da Argentina, Chile e Peru.

(Texto e foto: Secom/GEA)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *