Consulta Pública: Estado quer a opinião de professores, pais e alunos sobre ensino não presencial

O Governo do Amapá quer conhecer a opinião de professores, pais e estudantes da rede pública estadual sobre as atividades educacionais realizadas em casa. Para isso, a Secretaria de Estado de Educação (Seed) lançou uma consulta pública, na última terça-feira, 23.

No Amapá, as aulas presenciais foram suspensas desde março como medida de prevenção à covid-19.

A consulta pública é voltada para os 16 municípios. Os interessados em participar devem preencher um questionário disponível no link https://bit.ly/consultapublicaseed. As contribuições podem ser feitas até o dia 28 de junho.

O diagnóstico realizado por meio da pesquisa servirá de base para a estruturação do Plano de Retomada das Atividades Pedagógicas Presenciais, quando autorizado pelos órgãos de saúde, considerando os protocolos de biossegurança para os profissionais da educação, estudantes e seus familiares.

Para o coordenador de Educação Básica e de Educação Profissional da Seed, Ryan Muller, é fundamental a participação da comunidade escolar na consulta pública.

“É importante que a comunidade participe, que relate suas experiências, para que, em conjunto com a Secretaria de Educação, possam contribuir com as estratégias pedagógicas futuras, principalmente para que possamos pensar juntos no possível retorno das aulas presenciais, em breve”, relatou Muller.

(Secom/GEA)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.