E por falar em sujeira…

Há meses a Secretaria Estadual da Cultura (Secult) não paga as empresas contratadas para trabalhos de limpeza. Por isso a sujeira que toma conta da Biblioteca Pública, Fortaleza de São José e outras vinculadas.
O pessoal que trabalha na limpeza da Biblioteca, por exemplo, está há cinco meses sem receber. São pais de família que já entraram em desespero, estão passando fome, estão endividados nas mercearias e açougues e até com a energia elétrica cortada por falta de pagamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *