Incêndio também no Parque Nacional do Cabo Orange,

Outra reserva que sofre com os incêndios florestais é a do Parque Nacional do Cabo Orange, localizado no litoral do Amapá, entre as cidades de Calçoene e Oiapoque, extremo norte do Amapá, região fronteiriça à Guiana Francesa.

“Estamos monitorando, caso seja necessário o nosso apoio naquela região, estamos vendo alternativas para ajudar nesse combate. Na segunda-feira, 13, haverá uma reunião com o chefe da reserva do Cabo Orange, para acertarmos a mesma estratégia da Reserva do Piratuba. Está previsto um sobrevoo até terça-feira, 14, para analisar a situação do Cabo Orange”, informou o comandante do Corpo de Bombeiros.

Combate às queimadas
Assim como outros estados da Amazônia, o Amapá sofre com os efeitos da estiagem e das queimadas. Para enfrentar o cenário, ainda no mês de agosto, o Governo do Estado lançou a Operação Amapá Verde, que registrou, em 33 dias, 150 focos de incêndios florestais. Outra ação foi a criação do Comitê de Mudanças Climáticas para monitorar os focos de incêndio e definir novas estratégias de enfrentamento.

(Secom/GEA)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *