No Amapá 500 detentos apresentam sintomas de infecção respiratória. Três morreram

No Iapen (a penitenciária do Amapá) cerca de 500 internos – o que representa 20% da população carcerária – estão com sintomas de infecção respiratória. Nos últimos dias três detentos morreram e cinco estão internados no Hospital de Emergência.

O Governo do Amapá iniciou hoje uma ação de saúde para controlar os quadros de síndrome gripal a fim de que os casos  não afoguem as unidades hospitalares.
Uma equipe com sete profissionais, entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, foi deslocada para o Iapen para fazer a  triagem de verificação de sinais vitais, dispensação de medicamentos e administração de injetáveis.
Durante os dias de ação, a equipe também testará os detentos para Covid-19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.