O que já era ruim ficou pior

A Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) foi privatizada, mas os problemas continuam.
Diariamente falta energia elétrica em diversos  bairros de Macapá.
Hoje, por exemplo, a maioria da cidade ficou sem energia elétrica por cerca de três horas e por causa disso também sem internet e sem telefonia móvel.
A CEA emitiu uma nota dizendo, como sempre, o óbvio: “falha em um alimentador”.
Tá. Mas que falha? O que causou a falha? Isso a companhia não explica.

Encerra a nota dizendo que “para ocorrências de falta de energia os consumidores precisam entrar em contato com a Central de Atendimento, pelo número 0800 096 0196.”

Só que este número nunca atende. Né?

  • A equatorial entrou numa furada,vai ter que gastar muito mais do que previsto para tentar recompor o sistema de distribuição herdado da Eletronorte(subestações), um verdadeiro cavalo de troia. Presente de grego, por mim chamado de bomba relógio.
    Antes era a rede de distribuição que estava à beira do caos, agora junta-se às subestações.

    • Você compraria um carro usado sem antes pensar sobre os problemas que ele pode te trazer? Eu também não. E a Equatorial não fez isso, ela não comprou sem pensar nos riscos, e ela tem que arcar com todos os problemas sem reclamar, e oferecer um serviço decente como era dever da CEA e como é seu dever. Não podemos admitir um serviço ruim simplesmente porque o anterior também era ruim, ou era pior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.