Oficinas de origami e mangá na Unifap

Na Unifap,  dia 16 de novembro, haverá o evento “Japão – Oportunidade e Cultura”, com a realização de oficinas de duas manifestações culturais tradicionais do Japão, origami e mangá, e uma palestra sobre as bolsas de estudo oferecidas pelo Governo do Japão. Cada oficina terá duas turmas: a primeira será das 15h às 16h30 e a segunda das 16h30 até às 18h. As oficinas e a palestra ocorrerão no novo prédio da Biblioteca Central da Unifap. As inscrições para a programação são gratuitas, abertas ao público em geral e estão sendo realizadas pelo link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScWOg99PGJCs2SHC76LEi8Oh64whHKq4jOq2ANAmVHwx7Pz5g/viewform.

Oficinas
Origami é a arte da dobradura de papel. A palavra é oriunda do japonês oru, que significa dobrar, e kami, que significa papel. A arte milenar consiste na criação de objetos e formas a partir de um pedaço de papel.

O ministrante da oficina será o Prof. André Luís de Lima Moraes. Apaixonado por Origami, participou de diversas oficinas pelo Sesc-AP, Colégio Intergenius, Consulado do Japão em Belém e Escola de Arte Candido Portinari em Macapá. Atualmente é membro da Japan Origami Academic Society do Japão (https://origami.jp/), da Origami USA do Estados Unidos (https://origamiusa.org/) e da Asociación Española de Papiroflexia da Espanha (https://www.pajarita.org/). Ajudou na publicação de dois livros “A complete origami nativity” e “Folding fantasy”, do Buchan-Symons Peter.

Mangá é a “história em quadrinhos” no estilo japonês. Sua origem está no Teatro das Sombras, que na época feudal percorria diversos vilarejos contando lendas por meio de fantoches. Essas lendas acabaram sendo escritas em rolos de papel e ilustradas, dando origem às histórias em sequência, e consequentemente originando o Mangá. Muitos mangás originaram séries de desenhos para a televisão, os chamados animes, assim como há o processo inverso em que os animes tornaram-se edições impressas. Alguns deles são One Piece, Dragon Ball e Naruto, famosos também no Brasil.

O ministrante da oficina será Prof. Israel Guedes ou Izu. Ele é ilustrador amapaense e professor de mangá. Estudou na escola de artes Instituto HQ em São Paulo. Produziu várias edições do MPT em Quadrinhos, do Ministério Público do Trabalho de Vitória (ES), além de participar de colorizações de HQs para o mercado estrangeiro, como “Doctor Who”, “Blood Bowl” e outros. Foi um dos vencedores do concurso internacional de desenhos do mangá “The Seven Deadly Sins”, da editora Kodansha, em 2016 e finalista do Shounen Shoujo Mangá Award da mesma editora em 2019 com seu mangá “T-HUNTERS”. Ministrou oficinas e palestras sobre quadrinhos e mangá em eventos no Sesc, Unifap, Sebrae, Colégio Intergenius e Museu Sacaca. Em 2022 foi à Comic Con Experience como convidado para uma palestra de Mangás Brasileiros no Palco de cultura japonesa. 

(Texto: Jacqueline Araújo, da assessoria especial da reitoria da Unifap)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *