Sebrae e Governo do Amapá lançam Programa Cidade Empreendedora em Laranjal do Jari

Por Denyse Quintas
De Laranjal do Jari/Amapá

Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Amapá (Sebrae) e Governo do Estado (GEA), lançam o Programa Cidade Empreendedora, no Município de Laranjal do Jari. A iniciativa estabelece melhorias para o ambiente de negócios com apoio ao empreendedorismo para o desenvolvimento econômico. Inicialmente, a implementação do programa acontece nos municípios de Oiapoque, Santana, Laranjal do Jari e Macapá. O lançamento ocorreu no Escritório Regional do Sebrae, na manhã desta segunda (24), às 9h.

O diretor-superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro, fez referência sobre a retomada das atividades presencias respeitando os protocolos de prevenção à Covid-19; destaca ainda, que a capacitação do programa aborda eixos estratégicos trabalhados com os participantes, entre eles, Gestão Municipal, Lideranças Locais, Desburocratização, Sala do Empreendedor, Compras Públicas para Micro e Pequenas Empresas (MPE), Compras da Agricultura Familiar, e Empreendedorismo na Escola.

“O Sebrae é a casa do empreendedor e do empreendedorismo e o desenvolvimento econômico faz parte da missão do Sebrae junto aos pequenos negócios. Atuamos em diversas frentes, sempre em parceria com os gestores públicos e lideranças locais, para fortalecer a cultura empreendedora e criar um ambiente favorável à expansão e ao fortalecimento dos pequenos negócios”, disse o diretor-superintendente do Sebrae no Amapá, Waldeir Ribeiro.

Políticas Públicas
O Programa Cidade Empreendedora facilita a transformação econômica dos municípios, por meio da implantação de um conjunto de ações estratégicas vinculadas à abordagem de Desenvolvimento Econômico Local do Sebrae no Amapá. As ações têm como foco a melhoria do ambiente de negócios, criação e fortalecimento de políticas públicas, o fomento ao empreendedorismo e a promoção da competitividade empresarial.

GEA
O vice-governador do Amapá, Jaime Nunes, esteve presente na solenidade e destacou a transformação das riquezas em economia positiva para geração de emprego e renda para a população. “Quem tem interesse em empreender precisa aproveitar a oportunidade e se capacitar, tirar suas dúvidas, utilizar os recursos necessários para serem replicados para a comunidade”, declara o vice-governador do Amapá, Jaime Nunes.

Comércio
O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Laranjal do Jari, Valdimar Barros, lembra que existe a necessidade da desburocratização para abertura das empresas e falou sobre a importância do Programa Cidade Empreendedora para a população do Vale do Jari.

“Estamos aqui para ser o elo entre as necessidades do empreendedor, sindicatos e poder público. Temos que avançar enfrentando as dificuldades impostas pelo momento, aprendendo sempre e executando o que o novo ciclo da economia vai nos trazer”, afirma o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Laranjal do Jari, Valdimar Barros.

Planejamento
Os servidores públicos municipais são capacitados durante uma semana, pelos técnicos da Unidade de Políticas Públicas e Educação Empreendedora do Sebrae no Amapá. No lançamento do programa, iniciam as Oficinas de Planejamento das Ações do Programa Cidade Empreendedora. O principal objetivo das oficinas é pactuar as ações que serão realizadas no Plano de Trabalho, formalizado entre Sebrae e Prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *