Turismo de Aventura: roteiros radicais em meio à natureza do Amapá

O Amapá tem novos roteiros turísticos radicais nos municípios de Serra do Navio e Pedra Branca do Amapari. A novidade vai estimular o turismo sustentável na região, conhecida pela exuberância da natureza, estimulando a economia local, especialmente para os setores de gastronomia, hotelaria e aluguel de roupas e itens necessários para práticas esportivas.

Foi a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) que identificou e organizou os dois novos roteiros, já concluídos e aptos para apresentação ao trade turístico do Estado – já há agências de turismo interessadas em inserir as aventuras em seus pacotes de vendas no próximo semestre – durante o verão amazônico. Os trechos são ideais para descidas radicais nas águas do Rio Amapari, que possui potencial hídrico de corredeiras.

Perfeito para quem busca por aventura no Amapá, o primeiro roteiro é feito com canoa regional ou caiaque em um trecho de 2h30 de Serra do Navio a Pedra Branca do Amapari.

O trajeto conta com paradas em pontos de potencial turístico: uma grande Samaúma, a entrada em um dos afluentes do rio Amapari, e a casa de um morador local, proporcionando que o turista conheça a vida ribeirinha – os roteiros devem ser acompanhados por guias que conhecem a região.

Já o segundo roteiro, conta com um percurso que dura em torno de 15 minutos, sendo uma descida radical de caiaque ou bóia cross pelas corredeiras da cachoeira do Duquinha, na comunidade Água Fria, em Pedra Branca.

A Setur irá promover ambos os destinos em eventos e feiras nacionais.

Fonte: GEA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.