Aedes aegypti – Mais de 50% dos focos estão nas residências

Mais de 50% dos focos do Aedes aegypti estão nas residências. A informação é do coordenador do Programa Municipal de Combate à Dengue, Kilder Vidal.
Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), feito de 10 a 16 de janeiro de 2017, classificou o município de Macapá como médio risco para infestação, o que reforça que a população deve fazer a sua parte no combate ao mosquito. “Só conseguiremos vencer o Aedes se a população se unir a nós”, ressaltou Kilder.

No sábado 87 agentes de endemias estiveram no bairro Santa Inês  vistoriando quase dois mil imóveis. Onde   foram encontrados focos ou locais propícios para o desenvolvimento das larvas, os moradores receberam um prazo de 24 horas para a eliminação. Hoje os agentes devem voltar a esses locais para conferir se as providências para eliminar esses focos foram tomadas, caso tudo esteja como antes os sujismundos serão notificados.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *