Conflitos no campo tem crescimento de 58% no Amapá

CPT apresenta o relatório Conflitos no Campo

Na próxima segunda-feira, 28,   a Diocese de Macapá e a Comissão Pastoral da Terra (CPT-AP) farão a apresentação dos dados dos conflitos no campo, ocorridos em 2013, no Amapá e no vizinho município de Afuá. Estarão presentes o Bispo dom Pedro José Conti,  a coordenação colegiada da CPT-Amapá, membros do Conselho Ampliado e algumas das vítimas que sofreram violência.

O evento será às 15h, no Centro Diocesano de Pastoral, no bairro Jesus de Nazaré

Os registros feitos pela CPT Amapá em 2013 evidenciam algumas mudanças preocupantes:

§  Aumento significativo (+58%) dos conflitos no campo que passaram de 57 em 2012 para 90 em 2013.

§  Os conflitos aumentaram, sobretudo, nas terras próximas a Macapá, atingindo, com violência, famílias de comunidades tradicionais e antigas posses.

§  Entre as causas destes conflitos, a CPT registrou: a ocupação ilegal de terras públicas; os trabalhos realizados sem o devido licenciamento; as concessões irregulares de licenças ambientais; a omissão dos poderes públicos.

Em 2013, a CPT-AP registrou, também, a ocorrência de novos casos de super exploração do trabalho, no município de Afuá (PA).

No mesmo dia, a CPT Nacional divulgará sua publicação anual, Conflitos no Campo Brasil 2013. É a 29ª edição do relatório que reúne dados sobre os conflitos e violências sofridas pelos trabalhadores e trabalhadoras do campo brasileiro, neles inclusos os indígenas, quilombolas e outros povos tradicionais. O lançamento se realizará na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em Brasília, com a presença do Bispo presidente da CPT Nacional Dom Enemésio Lázzaris, os membros da coordenação executiva nacional da CPT e outros convidados.

A CPT Nacional, em 2013 destaca:
crescimento da violência e conflitos contra os indígenas.
Crescimento dos conflitos pela água
Amazônia continua como principal palco dos conflitos, com aumento dos mesmos contra as populações tradicionais.

A partir do dia 28, todos os dados estarão disponíveis na página da CPT na Internet: www.cptnacional.org.br

(Ascom-CPT)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *