Exposição dos 40 anos da Embrapa será aberta hoje na Expofeira

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) tem papel fundamental na revolução da agricultura tropical no Brasil nas últimas décadas. Em 40 anos, o Brasil deixou de ser dependente da importação de alimentos para um dos maiores produtores de alimentos do mundo. Os resultados de alto impacto são percebidos na tropicalização da agricultura, no cultivo em áreas de cerrado, na obtenção de cultivares adaptadas à clima e solo brasileiros e nos sistemas de produção. Tecnologias geradas pela Embrapa e seus parceiros nacionais e internacionais promoveram ganhos de produtividade e viabilizaram o crescimento com sustentabilidade.

Uma amostra das tecnologias da Empresa estará exposta em forma de produtos, serviços e publicações disponibilizadas ao público da 50ª Expofeira Agropecuária do Amapá, que acontece de 27 de setembro a 6 de outubro, no Parque de Exposição “Engenheiro Agrônomo Antônio Roberto Ferreira da Silva”, Distrito da Fazendinha, em Macapá (AP). O estande da Embrapa está localizado na rua 2, ala dos prédios fixos e receberá visitantes das 19h às 22h. Uma equipe de técnicos estará à disposição para tirar dúvidas dos visitantes com relação às pesquisas e ações de transferência de tecnologias da Embrapa.

PAINÉIS – Os painéis representativos dos 40 anos da Embrapa, em forma de textos e fotografias, fazem relação direta aos conceitos praticados pela Empresa, que são a inovação, modernidade, sustentabilidade, comprometimento com os parceiros e capacidade de antecipação. “A Embrapa gera resultados de forte impacto positivo para a agricultura e o mercado, contribuindo para o desenvolvimento do nosso País, ao mesmo tempo em que prioriza a geração de tecnologias que preservam o ambiente e a saúde e garantem a competitividade da agricultura”, citou Aline Furtado, em referência aos aspectos de inovação e compromisso da Embrapa com a sustentabilidade.

A coordenadora da comissão organizadora da Embrapa na 50 Expofeira, Aline Furtado, ressaltou que a exposição foi planejada a partir das grandes áreas de pesquisas focadas na agricultura e pecuária, aquicultura e pesca e recursos florestais. “Já é tradição da Embrapa compartilhar nossos produtos, serviços e tecnologias nesta feira agropecuária. Entre os objetivos do estande este ano estão a disponibilização de informações e de serviços destacando as soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação sobre a sustentabilidade da agricultura e uso da biodiversidade, com foco na Amazônia Legal, e outros de destaque da Empresa ao longo dos seus 40 anos”, explicou Aline Furtado.

Entre os atrativos estão a exibição de vídeos do canal Agro Sustentável, criado pela Embrapa no Youtube ( http://www.youtube.com/user/agrosustentavel) além de um painel de madeira e vidro com amostras de solos coletados de municípios onde está sendo feito o Zoneamento Econômico-Ecológico do cerrado amapaense, por meio de uma parceria do Governo do Estado e Embrapa. Também estarão expostos móveis em madeira de pau mulato e diversas mobílias e objetos feitos de cipó-titica. “Além disso, foram preparados uma composteira doméstica e um minhocário para serem expostos no estande, como forma de demonstração de duas ações do projeto Inter-Agindo, de transferência de tecnologia da Embrapa Amapá, no eixo da área de agricultura”, explicou a coordenadora da comissão da Embrapa na Expofeira.

(Dulcivânia Freitas/Embrapa Amapá)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *