Nota do MPE sobre a prisão do empresário Marba

Nota de Esclarecimento


Considerando o cumprimento de mandados judiciais de prisão temporária e de busca e apreensões, no dia 23 de outubro de 2013, o Ministério Público do Estado do Amapá informa que averiguações preliminares dos documentos e equipamentos apreendidos indicam possíveis práticas de outros crimes e atos de improbidade administrativa que serão objetos de procedimentos investigatórios promovidos pelas promotorias de Justiça e delegacias de Polícia Civil e Federal competentes, em conformidade com o compartilhamento de provas autorizado pela Justiça.

Além de elementos de prova relacionados ao crime de homicídio que vitimou Hedival Fernando Coelho de Queiroz, apurado em processo judicial, o cumprimento das diligências apontou para a ocorrência de crimes previstos no Estatuto do Torcedor (Lei nº 10.671/2003), Lei de Licitações e Contratos (Lei nº 8.666/93), Lei de Crimes de Lavagem de Dinheiro (Lei nº 9.613/98), entre outros.

Ainda, no cumprimento das ordens judiciais foram apreendidas as quantias de R$ 165.000,00 (cento e sessenta e cinco mil reais) na residência de Luciano Marba Silva e de R$ 212.590,00 (duzentos e doze mil, quinhentos e noventa reais) na sede da empresa LMS Vigilância e Segurança Ltda., as quais foram devidamente depositadas em conta vinculada ao Juízo, bem como, diversos equipamentos de espionagem, mídias removíveis, cheques, notas promissórias, computadores e documentos.

(Nota do blog – O empresário Luciano Marba preso no dia 23 foi solto no dia 24 por decisão judicial)

  • Sou da opinião de o MP não deveria esta publicando nota nenhuma , o caso e como qualquer outro. Já pensou o MP saltar nota pra todas as investigações que estiver fazendo.

Deixe uma resposta para Custodio Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *