Mudanças na PMM

O prefeito Clécio Luís começou dezembro fazendo mudanças no secretariado. 
Não quer mais saber da letra “E” no alfabeto do primeiro escalão da Prefeitura de Macapá.
Elder Fábio Figueiredo  e Éden Paulo Souza  foram exonerados dos cargos de secretário  de Obras e Infraestrutura Urbana (Semob) e Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh), respectivamente.
O engenheiro Hilton Rogério – funcionário da CEA há 17 anos – assumiu a Semob. Para a Semduh foi nomeada a advogada Marta Barriga.
E vem mais mudança por aí. Já corre na prefeitura um bolão de apostas sobre a próxima letra a ser descartada do alfabeto do primeiro escalão municipal.

  • Acho que vc se enganou em relação ao tempo de trabalho do Sr Hilton Rogério na CEA. Quem trabalha há muitos anos lá é o seu irmão Fernando Rogério Cardoso. O Hilton Rogério entrou na CEA em 2007, ou seja , há 6 anos apenas…

  • Concordo com o comentário acima e acrescento: Pra cuidar de Paris (isso mesmo, Paris), a prefeitura tem em seu quadro cerca de 80 funcionários. Já em Macapá… e o município continua como sempre: na mesmice. E não falo só da gestão atual, Macapá também nunca esteve em “harmonia”…

  • Continuo acreditando no governo municipal de Clécio Vieira. Realmente, Clécio Vieira, precisa urgentemente fiscalizar mais seus secretários e assessores. Já é hora, e concordo plenamente que os aprendizes de serviço público sejam defenestrados de a atual administração, e adequando profissionais competentes e responsáveis parav com coisa pública.

    Não queremos discípulos de “Josés Genuínos” da vida, que deixam tudo passar e nada vêem, simplesmente.

  • Deveria trocar o Secretário que cuida da “questão relacionada com o lixo”. Um cara que leva um ano pra fazer uma licitação nao parece ser o exemplo de eficiência. Nao dá pra ouvir as desculpas dele…menos garganta e mais trabalho

  • Ao invés das letras,seria bem melhor mudar a forma de governar.Continua tudo como antes,funcionários de carreira desvalorizados,muitos cargos extra quadro(até gente de outros estados), e o municipio,nem se fala,na mesmice.Melhorias? Tá igual WG “não sei,não vi”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *