Vai começar a operação tapa-buracos

Prefeitura começa a tapar buracos em Macapá nos próximos dias
Nova tecnologia de asfalto frio será usado no serviço para melhorar a aplicabilidade durante o inverno
Após pesquisar a melhor alternativa para resolver a situação caótica da malha viária em ruas e avenidas de Macapá, a Prefeitura anuncia que nos próximos dias irá realizar o serviço de emergência. A notícia foi anunciada pelo prefeito Clécio Luís, após semanas de trabalho em busca de alternativas para resolver o problema que atinge praticamente toda a cidade. “Para amenizar este problema que se arrasta há meses, neste primeiro momento vamos realizar a operação tapa-buracos, mas quando o inverno passar, iremos unir esforços e fazer um serviço com mais durabilidade, usando material de qualidade”, disse o prefeito.
A Secretaria de Obras do município será responsável pela operação e vai usar asfalto com nova tecnologia de produção, com economia para o cofre municipal se comparado a usinagem de asfalto em Macapá. O chamado asfalto frio foi testado nesta sexta-feira, 15, e os resultados foram positivos. A química, utilizada em várias cidades brasileiras, é fabricada em alta temperatura com tecnologia de aplicação à frio, o que garante melhor compactação.
Outras vantagens do asfalto frio e que ele pode ser aplicado mesmo após fortes chuvas, resiste á umidade e é de fácil aplicabilidade, o que reduz o custo de mão de obra e garante economia. De acordo com o secretário municipal de Obras, Elder Fábio do Carmo, o novo produto vai permitir, ainda, a formação de várias frentes de trabalho. “É a melhor alternativa que encontramos para o serviço de emergência que precisamos”, disse.
De acordo com o secretário, a péssima qualidade do asfalto usado nos últimos anos na pavimentação asfaltica de Macapá é um dos principais motivos que provocam a abertura de buracos nas vias públicas, que só pioram com a chegada do inverno. Paralelo a esta medida emergencial, o prefeito Clécio e equipe unem esforços para que a pavimentação e recuperação de vias sejam feitos assim que o tempo permitir. Nesta segunda-feira, 18, técnicos da Petrobrás, por intermédio do senador Randolfe Rodrigues, chegam em Macapá para discutir com a PMM outras soluções para a pavimentação de qualidade.
“Não tínhamos como resolver antes e também não queríamos usar a chamada ‘borra’. Sabemos das condições das vias que é uma reclamação pública de um problema antigo. Vamos resolver de forma paliativa com a operação tapa-buracos, mas estamos buscando parcerias como do Governo do Estado, que ainda não deu respostas e pesquisando produtos de qualidade. Nos próximos dias homens e máquinas estarão nas ruas de Macapá”, finalizou o prefeito Clécio Luís.
(Comunicação/Prefeitura de Macapá)
  • Sem dúvida nenhuma, que no período chuvoso, o serviço de pavimentação asfáltica fica comprometido, no entanto, alguma providência tem que ser feita, provisoriamente até a chegada do verão. O que não podemos é ficar do jeito que está. Vias quase intrafegáveis. O serviço foi mal executado na gestão anterior e estamos colhendo os frutos.
    Nossos veículos é que sofrem com isso.
    Parceria já. SOCORRO SEMOB/PMM. SOCORRO SETRAP/GEA.

  • Infelizmente é assim. Quando estao fora do poder tem discurso e solução pra tudo. Quando chegam pra administrar pra valer se deparam com uma situação que até parecem que nao sabiam. Por que prometem tanto? Estou torçendo pelo Clécio, assim como torço pelo Camilo. Pelo menos aquela corrupção desenfreiada acabou. Mas a situação da PMM é bem pior ao que parece. Agora prefeito é aguentar as crítica e trabalhar rápido. O povo tá sem paciencia.

  • Pena que no AP seja assim: não tem importância as agruras do povo, os inúmeros prejuízos dos proprietários de veículos num lugar que tem um dos piores serviços de transporte público. Importa muito menos se o município está necessitando de socorro urgente. A estratégia é a de pensar em 2014. E só!!! Depois? Ora, depois se pensa em 2016, afinal, temos que pensar no futuro, não é mesmo?

  • Naturalmente que há uma resistência do sr. governador em estabelecer cooperação com o Município para alavancar a gestão de Clécio e assim promover a figura do senador Randolfe. É patente que o sr. governador faz discurso de cooperação apenas para a mídia e por trás dos panos vai protelando sua participação na reconstrução da vida do nosso município. Candidamente não percebe que sua adesão aos trabalhos do município só lhe trarão benefícios e votos para a reeleição ao governo em 2014. Quanto mais se manter silente quanto à praticidade de ações, mais críticas e cobranças lhe serão atribuídas, haja vista a transparência do discurso do prefeito Clécio sobre a situação caótica e de abandono deixada pela gestão desastrada e irresponsável dos pedetistas. Daqui há pouco vão atribuir ao PSB a má vontade em ajudar quem quer ser ajudado, ou seja, os munícipes de Macapá. Uma gestão vitoriosa de Clécio com a ajuda do sr. governador é um palanque repleto de motivos para desmotivar uma candidatura do senador Ranfolfe. Isso tá na cara e é evidente. Só não percebe quem tem uma visão curta e diminuta de política/partidária

  • Vixe…quanto tempo os técnicos da prefeitura levaram para descobrir o famoso asfalto frio, vulgo sonrisal. E precisou até da participação do super senador Randofe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *