Vá em paz, meu poeta!

“Fica decretado que a maior dor
sempre foi e será sempre
não poder dar-se amor a quem se ama”.
(Thiago de Mello)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.