OAB-AP é contra impeachment de Temer

No inicio da madrugada deste domingo, o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil  votou pela abertura de processo de impeachment contra o presidente da República, Michel Temer, por crime de responsabilidade.
Numa reunião que durou cerca de 7 horas , os conselheiros aprovaram o relatório da comissão especial que analisou as provas do inquérito e recomendou que a entidade ingresse com o pedido de impeachment. Foram 25 votos a favor. Apenas o Amapá votou contra.  O Acre não compareceu. Cada voto representa a OAB de um estado ou do Distrito Federal.
O pedido vai ser protocolado na Câmara dos Deputados nos próximos dias.

Estranho
Ontem, sábado, o presidente da OAB-AP em entrevista à rádio Diário FM disse que a entidade votaria pelo afastamento de Temer.
Matéria publicada no site do  Diário do Amapá, às 15h59 de ontem, diz o seguinte:  “Em entrevista concedida na manhã deste sábado (20) com exclusivamente ao programa Togas&Becas (DiárioFM 90.9) ancorado pelo advogado Helder Carneiro, o presidente do Conselho Seccional da OAB (OAB/AP), Paulo antecipou os votos dos conselheiros federais do Amapá sobre as medidas que serão tomadas pela instituição em meio ao agravamento da crise política com os recentes escândalos protagonizados por autoridades brasileiras: a Seccional do estado é favorável à monção de “afastamento” do presidente Michel Temer.

De acordo com Paulo Campelo, a posição do Amapá foi tomada em reunião extraordinária do Conselho Seccional e da diretoria da OAB local na noite da sexta-feira (19)”

Deixe uma resposta para José Fernando de MEDEIROS Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *