PSOL diz que se orgulha de Randolfe e vai apoiar candidatura à reeleição do prefeito Clécio

O presidente do PSOL no Amapá, Djalma do Espírito Santo, disse que a saída do senador Randolfe Rodrigues do partido se deu sem mágoas e sem traumas.

“Desejamos boa sorte ao senador no seu novo partido e temos certeza que ele vai continuar nos orgulhando combatendo a corrupção e defendendo o Amapá”, disse ele agora ao blog.

Ele adiantou que o PSOL que não terá candidato a prefeito de Macapá em 2016 e vai apoiar a reeleição de Clécio Luís, único prefeito de capital eleito pelo PSOL e que hoje também deixou o partido. “Só não apoiaremos o Clécio se ele for para um partido de direita, mas isso é impensável”.

  • Queria perguntar para esse cidadão o que é partido de direita ou esquerda no Amapá? Afinal quem elegeu os governos de direita aqui foi os ditos parttidos de esquerda que quando se apossam do poder imitam a direita de forma piorada até o povo dar um basta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *