STF mantém Esteves e assessor de Delcídio presos

Do Congresso em Foco

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), converteu neste domingo (29) a prisão temporária do banqueiro André Esteves, do banco BTG Pactual, e do chefe de gabinete do senador Delcídio do Amaral, Diogo Ferreira, em preventiva. O prazo da prisão dos dois vencia hoje. Com a decisão, eles ficarão presos por tempo indeterminado, a exemplo do que já ocorre com Delcídio e o advogado Edson Ribeiro, que defendia o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró. (Leia mais)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *