Chá da tarde

PLATÔNICO
Obdias Araújo

Eu te desejo
Te dispo
imagino
te vejo
te visto novamente
e te desejo.
Nem sei porque
mas te desejo
Não existe motivo
: não morro
não vivo
não bebo
nem como
às expensas de ti
mas te desejo
Te amo
Te como com unhas e dentes
com olhos e mentes
e cada vez mais
dia após dia
eu te desejo
(Do livro Praça Pinga Poesia & Mágoa)

  • OBDIAS DE QUEM RECEBI ALGUMAS DE SUAS PUBLICAÇÕES QUANDO DE MINHA IDA A MACAPA
    ENRIQUECE COM SEUS POEMA (UM DOS QUE MUITO GOSTO.) ESTA PAGINA. QUE HOJE (DIA QUE A LEIO.) ESTA CHEIO DE FERAS.
    ABRAÇOS LUIZ JORGE.
    EM TEMPO PARABENS ALCINÉA.

    • Oi, Luiz Jorge.
      Prazer imenso receber sua visita no meu humilde blog.
      Receba meu terno abraço cheio de saudades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *