Foi assim o Dia da Poesia na Praça Veiga Cabral

O dia amanheceu nublado. Uma chuva fina caía sobre a cidade de Macapá. Mesmo assim poetas e amantes da poesia, que fazem parte do Movimento Poesia na Boca da Noite, foram para a praça Veiga Cabral comemorar o Dia Nacional da Poesia neste sábado, com um café poético, declamação e distribuição de origamis e poemas.
E a manhã encheu-se de versos, alegria, ternura e lirismo.

poetas1Tão logo os poetas chegaram na Praça, a chuva fina cessou, as nuvem carregadas se afastaram mostrando um céu azulzinho e o sol apareceu para saudar os poetas amapaenses.

poetas2Policiais, estudantes, gente de todas as classes sociais e profissões que passaram pela Praça pararam para ouvir poemas, ganhar brindes poéticos e abraçar os poetas.

poetas3O Movimento Poesia na Boca da Noite fez neste sábado as pessoas mais felizes, como esta trabalhadora que ficou tão feliz ao ouvir poesia e pendurou na lanchonete os origamis poéticos para ficar trabalhando cercada de ternura.

(Fotos: Manoel do Vale – que, além de fotógrafo, é também poeta e escritor)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *