Semana da poesia

Sexta-feira, 14 de março, é o Dia Nacional da Poesia e o Movimento Poesia na Boca da Noite convida todos os poetas e amantes da poesia para fazer de Macapá, mais uma vez,  a capital da poesia.
Vamos, todos juntos, espalhar poesia, ternura, amor e lirismo em todos os cantos da cidade.
Que tal enfeitar árvores do seu bairro com poesia? Que tal fazer um pequeno varal no seu local de trabalho, na parada de ônibus perto da sua casa, na sua escola? Que tal “esquecer” um livro de poesia na parada de ônibus ou em qualquer outro lugar?  Já imaginou quantas pessoas terão acesso à poesia se você fizer isso? Levando poesia você estará levando amor e ternura pra tanta gente. E há tanta gente precisando disso.

Desde que foi criado, o Movimento Poesia na Boca da Noite, em parceria com este blog, tem feito um grande trabalho de descoberta de talentos,  valorização e divulgação da literatura amapaense, incentivo à leitura, distribuiçao de livros e poemas e em datas como esta transformado Macapá na capital da poesia.

2012f
Poetas na madrugada “plantando poesias” na cidade pro dia nascer feliz em 2012

Em 2012 foram mais de 24 horas de poesia na cidade. Na noite do dia 13 e toda a madrugada do dia 14, o Movimento pendurou poesias nas árvores, nas praças, paradas de ônibus, deixou caixinhas de poesias e livros em bancos de praças e paradas de ônibus. Pela manhã, uma tenda foi montada na Praça Barão do Rio Branco onde poetas e amantes da poesia de todas as idades declamaram, distribuíram livros e pergaminhos poéticos até às 21h.

 

2013f
O sucesso de 2012 repetiu-se em 2013

Em 2013 durante a madrugada o Movimento pendurou poesias nas árvores, nos portões de centenas de casas e “esqueceu” livros em paradas de ônibus.
Pela manhã, com o sol dourando o dia, os integrantes do Movimento se concentraram na Praça Veiga Cabral. Lá, distribuíram mais de 500 poemas e 250 origamis com poesias e 80 livros.
O povo que passou pela praça parou para ler e ouvir poesia e parabenizou o Movimento pela iniciativa. Era gente de todas as idades, profissões e classes sociais.

Este ano, 2014, o Movimento inicia quinta-feira à tarde sua programação em comemoração ao Dia da Poesia. A programação se estende até a noite de sexta-feira. E você, querido leitor, pode fazer parte deste grandioso movimento. Quer dar sugestões, divulgar sua poesia, declamar, distribuir poemas, falar de literatura, fazer de Macapá mais uma vez a capital da poesia? É simples. Deixe seu contato na caixinha de comentários deste blog ou mande um email para os integrantes do movimento.

  • “Por que meu coração dói tanto, se está cheio de nada? Ou dói por vazio que está de tudo?”.
    Um abraço a todos os poetas, admiradores e colaboradores do Poesia na Boca da Noite. Saudações especiais à nossa Coordenadora/Inspiradora Alcinea Cavalcante.

Deixe uma resposta para Cesar Bernardo de Souza Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *