Tempo – Belo poema de José Pastana

Tempo
José Queiroz Pastana

Passam os minutos
Sinto o anseio
No passar das horas
Fica o desespero.

Passam as horas
Sinto o desespero
No passar dos dias
Fica a esperança.

Passam os dias
Sinto a esperança
No passar do tempo
Fica a velhice.

Passa o tempo
Sinto a velhice
No passar da morte
Fica a saudade.

Passa a saudade
Sinto a alegria
No passar da desilusão
Fica a poesia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *