Um poema de Cordeiro Gomes

Contemplação
Carlos Cordeiro Gomes

Da janela do pensamento
o homem contempla o seu passado
Se fosse possível viver de novo
a mesma vida viveria
viveria
viveria…

Viver de infância
de sol
de sonhos
e amar.

Amar a primeira namorada
na lentidão das tardes.
E,
mesmo coberto de pó de estradas
sorrir de sorriso aberto
na contemplação dos astros
sob aprovação de Pierre Augusto Renoir…

  • Sou o que sou hoje, porque meu pai me ensinou a ter responsabilidade. Ser responsável é assumir a si próprio.Meu pai herói , Carlos Cordeiro Gomes .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *