Um poema de Jarbas Ataíde

Onde encontrar a liberdade?
Jarbas Ataíde
Qual o preço da liberdade?
E onde ela é encontrada?
Eleve suas mãos! Pergunte:
Onde encontrá-la de verdade?
Caminhe nas estradas e trilhas!
De coração e peito aberto!
Pare, interrompa os passos na via!
Para refletir sua tarde, manhã e dia!
Pense, indague, questione,
Mas deixe os olhos bem abertos!
Não se iluda com estradas íngremes!
E nem com pedras, tropeços e apertos!
Marque quantos passos andou,
Quantos dias deu uma pausa!
O importante é quando começou!
Quando decidiu olhar para seu interior !
Lá encontrarás a resposta!
  • Às vezes amanheço assim!
    A inspiração é uma centelha!
    Na dúvida, falo de mim!
    Mas quando tenho certeza!
    A verdade sempre sai assim!

    ( Gratidão pela sua postagem)!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.