Waldez Góes será o ministro da Integração Nacional do governo Lula

Indicado pelo senador Davi Alcolumbre, o ainda governador do Amapá, Waldez Góes (PDT), será o ministro da Integração Nacional e  Desenvolvimento Regional.
O convite foi feito ontem por telefone por Lula e Waldez aceitou. “Aceito o convite com muita honra”, disse Waldez.
“Reafirmo o meu compromisso com os brasileiros de Norte a Sul, dedicando meus melhores esforços junto com o Presidente neste desafio de amparar os que mais necessitam e pela reconstrução do Brasil”, prometeu nas redes sociais.

Davi participou de um encontro hoje de Lula e Waldez.  “Tenho plena convicção de que Waldez usará sua experiência para fortalecer a política de desenvolvimento nacional”, disse o senador Davi nas redes sociais ao final do encontro.

Waldez Góes tem 61 anos de idade. Está no quarto mandato de governador.
É filiado ao PDT desde 1989. Foi deputado estadual por dois mandatos (eleito em 1990 e reeleito em 1994).
Em 2002 elegeu-se governador e foi reeleito em 2006 em primeiro turno.
Em 2014 elegeu-se pela terceira vez governador do Amapá e foi reeleito em 2018.

É casado com a delegada de polícia Marília Góes, ex-deputada estadual e atualmente conselheira do Tribunal de Contas do Amapá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.