Deputados do Amapá vão depor no STJ depois do carnaval

Em fevereiro do ano que vem quando acabar a folia de Momo um bloco de deputados estaduais do Amapá vai sambar no STJ, sem confetes e serpentinas, por determinação do ministro Otávio Noronha.

No estandarte a Operação Mãos Limpas.

Noronha marcou para o dia 20 de fevereiro a partir das 10h as oitivas de Mira Rocha, Kaká Barbosa, Keka Cantuária e Michel JK. E para o dia 21, também a partir das 10h, as de Eider Pena, Edinho Duarte, Moisés Souza, Isaac Alcolumbre, Charles Marques e Brasil.

As audiências serão presididas pelo juiz federal Jorge Gustavo Serra de Macedo Costa.

Eis a decisão do ministro Otávio Noronha:

  • E O POVO, ONDE FICA?
    Eu já desconfiei que o Amapá é a descarga de Brasília. Todas as vezes que se descobre desmandos, falcatruas, “cagadas” (desculpem a expresão, mas não tenho outra melhor) de políticos ou Administradores de BSB, alguma operaçãozinha brota nesta terrinha. Será que é para desviar a atenção?
    Digo isso, porque muita gente já foi presa rapidamente, conduzida coercitivamente, interroga um sem número de vezes pelas mesmas autoridades, e ninguem vem dizer ao zé povinho o que está acontecendo no Amapá!
    É bricadeira. Começo a me aborrecer com o Cabralzinho!

  • VAI SAIR NOVA LISTA COM OS DEPUTADOS RESTANTES E AINDA ALGUNS QUE NÃO FORAM REELEITOS. TUDO DA FARINHA DO MESMO SACO. VAMOS RENOVAR EM 2014 COM FIZEMOS NA PREFEITURA.

  • Eles não tem com o que se preocupar. O governador esteve lá e constatou que eles não dão choque, não usam quebra nozes e nem passam sal nos olhos dos depoentes. ou seja, o STJ é um grande anfitrião…kkkkkkkkkkk

  • Sera que com a troca do comando do STF as cabeças começarao a rolar por aqui? Se isso acontecer vai ser um MEU DEUS, pois se somarmos a quantidade de operaçoes que tiveram por aqui e os corruptos pagarem por seus crimes…tem casa de poder que vai esvaziar quase completamente, a nao ser que eles despachem de seus NOVOS GABINETES! Eta Ministro competente se tivessemos um desses por aqui….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *