Em workshop internacional senador Davi faz críticas ao governo

No workshop internacional, promovido ontem em Macapá pelo SESI e SENAI, o senador Davi Alcolumbre (DEM), pré-candidato ao governo, disse que “entra governo e sai governo e o Amapá segue com os mesmos problemas de sempre, deixando de concluir obras históricas e travando o nosso desenvolvimento.”
Com postura de candidato, ele não economizou críticas ao governo e listou alguns problemas

Veja o que ele disse:

Sobre salários parcelados dos servidores
“A dificuldade de pagamento integral dos servidores é reflexo da falta de capacidade de tornar o Amapá auto sustentável. Está na hora de tirar os entraves e fazer este Estado crescer”

BR-156 e petróleo
“O atual governador vai completar o terceiro mandato como governador e não conseguiu concluir o asfaltamento do trecho norte da BR156, nem tem mais o convênio. Agora é responsabilidade do DNIT. Se tivesse concluída, Oiapoque seria base para fazer o refino do petróleo que vier a ser explorada na costa amapaense e não o Pará, como está se caminhando”.

Zona Franca Verde
“Há pouco mais de dois anos a presidência da República sancionou a lei que cria a ZFV e até agora não temos nada de concreto, mesmo tendo um potencial gigantesco na região conhecida como pólo industrial. É dessa inércia que precisamos sair”.

Setor elétrico
Davi citou ainda a falta de investimento no setor elétrico por muitos anos e que mesmo com a interligação ao sistema Nacional, empresas que queiram se instalar no estado enfrentam dificuldades para obter a quantidade necessária de energia.

 

  • Me senti contemplado pela fala de cada um dos leitores antecessores e externo os mesmos sentimentos a todos e indistintamente “Roque Santeiros” da politica desse Amapá. Tudo santos do pau oco.

  • Acredite esse senador quer ser o salvador da pátria, imagine só como vai tratar os servidores, já deu uma canja votando de acordo com o Temer, um cidadão que nunca teve a carteira assinada por 90 dias e nunca trabalhou de verdade na vida. Fica a dica senador vá trabalhar.

  • Quando criança, toda vez, que eu ou meus irmãos, falava alguma “baboseira”, ouvia reprimenda da minha avó que dizia que “em boca fechada não entra mosca”. Por isso senador (minúscula mesmo), faço meu o “ditado” externado pela minha avó, “mantenha a boca fechada”!!!!!!!!!!!!!!!

    • esse senador entrou para o nosso folclore , político do AMAPÁ que já morreu e continua sonhando , sonhando e falando baboseira , tal como o zé sarney , que passou pelo nosso AMAPÁ e nem sabia que nossa cidade era banhada pelo rio amazonas , é isso mesmo ,mas ainda tem aqueles boca do inferno que defende arduamente esse senador , só pode ser o ASPONE , e ainda queria saber o sonho do dia seguinte . tem político tal como esse senador que precisa se mancar.esse senador está tão preocupado com a extração de petróleo na costa do Amapá , mas ele não participou de nenhuma audência pública que aconteceu nos dias 09 de novembro de 2017 em Belém, no dia 11 de novembro de 2017 em Oiapoque , e no dia 13 de novembro de 2017 em Macapá. será que esse senador sabe o que é uma audiência publica ? senador leia e aprenda que a ativade de perfuração marítima , é uma etapa importante na pesquisa exploratória e o objetivo da atividade é identificar a presença de petróleo e/ou gás natural em determinado local no subsolo marinho ,cuja extração pode ou não vir a ser comercialmente viável. saiba também senador que a perfuração marítima no bloco FZA-M-59.fica situada a 160 km do Oiapoque em linha reta . fique sabendo senador que impacto ambiental operacional , é a alteração no meio ambiente provocada pela operação normal da atividade e saiba também ,que impacto ambiental potencial é a alteração potencial no meio ambiente provocada por um incidente , caso ocorra , diretamente relacionado a atividade , digo ainda que não é preciso está dentro da barriga de um dragão prá saber que ele solta fogo pela boca , é preciso sim , conhecer certas coisas prá não ficar falando baboseiras por aí pensando que todo mundo é besta.

Deixe uma resposta para Luz Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *