PT rompe com o governo

RESOLUÇÃO DA COMISSÃO EXECUTIVA DO PT/AP DE 17/05/2010

O Partido dos Trabalhadores do Estado do Amapá, através dos Membros de sua Comissão Executiva, reunidos em Reunião Extraordinária devidamente convocada com a finalidade de fazer cumprir a Resolução aprovada pelo Encontro de Definição de Tática Eleitoral do Partido dos Trabalhadores do Estado do Amapá, ocorrido no dia 18/04/2010, e:

Considerando as vantagens comparativas que o Partido possui atualmente, fruto de anos de construção partidária e do sacrifício pessoal de milhares de militantes partidários;

Considerando ser o PT um partido programático, cujo compromisso fundamental é com a melhoria da qualidade de vida do povo amapaense, realidade essa que deverá ser construída através da implantação e consolidação de um projeto político fincado nos valores da solidariedade humana, da transparência e eficiência da gestão pública e, ainda, numa proposta de desenvolvimento que mire a valorização da vida e dos valores amazônicos;

Considerando que a necessidade de construir as vias mais condizentes a realizar os intentos políticos/eleitorais definidos no último Encontro de Delegados, cujas prioridades são: criar e consolidar um “palanque” forte para a eleição da Companheira Dilma e ainda reeleger e ampliar os espaços nos parlamentos estadual e federal, resolve:

Art. 1º. O Partido dos Trabalhadores reafirma suas prioridades como sendo a construção do terceiro mandato democrático popular em andamento no País, capitaneado na figura da companheira Dilma Rousseff e a manutenção dos mandatos da companheira Dalva Figueiredo, deputada federal e Joel Banha, deputado estadual, assim como a ampliação de novos mandatos e apoio às nossas prefeituras;

Art. 2º. Tendo em vista o silêncio do Partido Progressista-PP, até a presente data, em relação aos pleitos já apresentados, o Partido dos Trabalhadores do Estado do Amapá, a partir desta data, deixa de fazer parte do Governo Estadual. Nos casos em que se fizer necessária uma transição, haja vista a necessidade de manter a devida continuidade dos serviços prestados, todos aqueles cargos ocupados por filiados do PT deverão ser entregues, impreterivelmente e formalmente, até o dia 31 deste mês de maio;

Art. 3º. Em relação às eleições majoritárias e proporcionais de 2010, o PT priorizará a aliança com o PSB e outros partidos, desde que apóiem a candidatura Dilma Presidente e garantam ao PT a indicação do Vice-Governador dessa chapa até o dia 28/05/2010, devendo ser comunicados da decisão, que ora tomamos, os partidos PR e PCdoB e convidados para formação dessa frente, visando consolidar um bloco para viabilizar e materializar as prioridades do Partido;

Art. 4º. O PT mantém a candidatura ao senado federal do companheiro, Marcos Roberto, deixando a decisão final para a executiva do Partido dos Trabalhadores, intento esse que deverá contribuir para materializar as demais prioridades do partido, seja no plano das eleições proporcionais, seja no plano das eleições majoritárias; ou seja, a permanência dessa candidatura também estará condicionada a realização daquelas outras prioridades;

Art. 5º. As negociações e respectivos encaminhamentos com os partidos acima citados, serão realizados pela Comissão de Negociação composta pelos 7 membros (2 de cada força política e presidida pela presidenta do Diretório Estadual do PT), a saber: MARIA NILZA AMARAL, Presidente, JOEL BANHA, ANTONIO NOGUEIRA, EDIVAN BARROS, ERROLFLYNN PAIXÃO, ISAÍAS CARVALHO e ANA DALVA ANDRADE, Membros. Contudo, as decisões finais deverão ser referendadas pela Comissão Executiva Estadual do PT;

Art. 6º. A divulgação dos atos e dos resultados das negociações partidárias será feita pela instância competente (Secretaria de Comunicação).

Art. 7º. Esta Resolução deverá ser ratificada pelo Diretório Estadual em sua reunião do dia 24/05/2010, já convocada pelo Partido.

Sala de Reuniões do Diretório Estadual/AP, em 17 de maio de 2010.

Comissão Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores – PT/AP

    • Eu também ponho cem mangos. Eles estão acostumados a mamar na teta, não sobrevivem uma eleição sem as benesses do governo.

  • Espero sinceramente que apareça uma candidatura ao governo do Amapá, realmente nova. Esses “camaradas” já estiveram juntos no passado e muitos deles nunca saíram do governo, então meu povo, esse “Frente de Esquerda” como batizaram essa coisa, não tem nada de novidade.

  • Sou mais uma reediçao da chapa de 2008(PSBOL/PSOL ou PSOL/PSB) do que essa união com o pt, que ate dia 31( dizendo eles), ainda serão do governo. Passaram quase oito anos mamando na teta,, de repente saem… Fica algo suspeito no ar….Confio no apoio do Pref. Nogueira. Mas com relação ao Joel e a dalva… Nunca no Brasil!!!!

  • Era de se esperar que agora no intervalo e aguardando o inicio do segundo tempo a deputada Dalva se desespere.Afinal de contas toda aquela arogância e vaidade por conta dela e de seus PIT BULS de aluguel, me refiro a penante e jaezer esta tendo retorno merecido,quero ver o que eles e o resto de fisiologistas do grupo dele vão fazer, então respondam:
    a) eles vão entregar os cargos em nome da DEMOCRACIA INTERNA DO PT;
    b) eles não vão entregar os pontos e vão abrir os cofres para operar os delegados;
    c) eles acostumados a nadar na grana, inclusive esnobando carros importados e investimentos fora do Estado, vão se desfiliar do partido neste pleito eleitoral, só pra não largar “A “TETA” DA DALVA”(CUIDADO PENANTE COM O JAEZINHO)
    d)invocarão os mosqueteiros ou irão atráz de outro JABÀ e será: CADA UM POR SI E DEUS POR TODOS ( ALTERNATIVA PARA OS ATEUS)
    e)Resolveram apoiar num primeiro momento e depois vão atráz de intervenção Nacional,(chororô)
    f)Todos as alternativas estão corretas, pois em se tratando de pilantragem tudo é possível ( FAMOSO CHUTE CERTEIRO).

  • Bem parece que o PT desta vez não vai embarca em canoa furada, digo, em galeão, pois antes tinha um grupo que decidia em função do “OURO” a grana que se carregava em cima das decisões, porém uma mosca na sopa pode estar sendo preparada, pois a decisão final sai em encontro de delegados do partido no dia 06 de junho, e segundo me falaram , aquela que rifava o partido e tem hoje minoria, esta oferecendo até 10.000 mil pilas por um voto dos delegados,pra quem mamou na teta até agora e não quer largar o osso isso é de se acreditar.

  • Ouçam todos: A MAIOR EXPRESSÃO POLÍTICA DE TODOS OS TEMPOS DO ESTADO DO AMAPÁ, FOI E SEMPRE SERÁ JOAO CAPIBERIBE. O RETO É CONVERSA PRA BOI DURMIR.

  • Quero v quando a “Jurupoca começar a piar” pro lado da Dalva e do Joel – Lembrem q essa galera vai disputar essas eleições sem os cargos q historicamente sempre os elegeram e q no caso da Dalva é pior, ela tem q torcer para fazer 2 – aí quero v se esse ímpeto militante de oposição ainda se mantém!
    Até bem pouco tempo, para quem tem memória curta o PT chantageou na cara de madeira o PP, que não cedeu.
    O fato é o seguinte, o PT só vai com o PSB, pq o PP não quis, mas por sua vontade própria não tinha essa de frente de oposição, o PT só rompeu agora, passou 7 anos mamando, calado diante dos vários desvios de verba pública, não se manifestou até agora sobre as mortes na maternidade, sobre os 200 milhões da educação e etc. Na prática, até o dia 31 o PT ainda é governo e como num passe de mágica vai passar a ser oposição.
    Então não me venham dizer que vai ser essa frente a de oposição e muito menos de governo popular (já esqueceram de Santana), pois vai precisar de bem mais argumento para me convencer!

    Vamos v no q vai dá, já arrisco dizer q nessa composição, só vai dá PSB. Os Petista vão t q ralar muito no sol e na chuva para tentar transformar os cargos q vai perder no governo em base social para tentar fazer seus mandatinhos!

  • Parece até que o PT tomou vergonha na cara e vai se juntar com o PSB, mas não é isso não, é apenas sobrevivência política, quando eles estão pra morrer é um salve-se quem puder!!!!
    Mas como simpatizante do PSB que sou e Esquerdista, apesar dos pesares quero a continuidade da política do Lula, assim voto na Dilma, o meu voto seria para o administrador José Serra, mas como ele irá governar com a corja do PSDB não irei votar nele (em tempo leia-se FHC, mas vale salientar que talvez a corja da Dilma seja menos imunda que a do Serra).

  • MANTENDO-SE À DISTÂNCIA!

    Se o PT-AP quiser sobreviver como um partido político preocupado com questões de interesse da população em geral, precisa, imediatamente se distanciar de tudo que tenha haver com WG e a sua turma (PDT-AP) e Pedro Paulo (PP-AP). Ambos governaram e governam o triste Estado do Amapá, e a merda é jogada no ventilador diariamente.

    Agora, se permanecer apoiando essas patifarias de desgovernos, pode crê, o PT está morto.

    Tenho dito!

  • acorda Roque. Cai na real. Sassá Mutema só em novela. Você ainda não ouviu falar em sobrevivência política?

  • Art. 3º. Em relação às eleições majoritárias e proporcionais de 2010, o PT priorizará a aliança com o PSB e outros partidos, desde que apóiem a candidatura Dilma Presidente e garantam ao PT a indicação do Vice-Governador dessa chapa”.
    É por causa desses “apoios” que as ideologias partidárias ficam comprometidas e nada muda na política brasileira. Neste ponto eu contesto essa tal “democracia”. Os partidos empurram goela abaixo um candidato que, muitas vezes não é o que o eleitor realmente simpatiza, como é o caso da Dilma, e depois alegam que foi a vontade soberana do povo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *