Quinta-feira tem debate sobre o “Mais Médicos” no Amapá

O Laboratório de Estudos Etnográficos da UNIFAP (LAET) e movimentos sociais chamam a sociedade amapaense para um debate sobre a saída dos médicos cubanos, que afeta consideravelmente a população, principalmente a residente longe dos grandes centros.

Nesse debate serão abordados  os desafios e possíveis soluções para a medida. A atividade acontece nesta quinta-feira, 22, no auditório do CEPA na UNIFAP, com início às 18h30, oferecendo certificado de participação de 4h.

Estão confirmadas as participações  da Dra. Nelma Nunes da Silva (docente do curso de fisioterapia, membro do NEAB), Dra. Liliany Silva (médica infectologista), Enfermeira Rosa Guimarães (Analista Sênior do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde), Dr. Ennier Arocha Rangel (Especialista em Medicina Geral Integral de Cuba pela UCCMVC) e Dr. Ennier Arocha Rangel (Especialista em Medicina Geral Integral de Cuba pela UCCMVC Dr Serafin Ruiz de Sárate e especialista em Medicina da Familia e Comunidade do Brasil pela UFPEL).
O Dr. Paulo Gustavo Pellegrino Corrêa (Cientista político, professor do PPGEF) será o debatedor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *