Aí tem…

Tribunal de Contas do Estado está fazendo auditoria na Secretaria de Comunicação. Vasculhando tim-tim por tim-tim pagamentos feitos em 2006, 2007 e 2008.

  • Plagiando a grande escritora Lya Luft: a professora Risalva Amaral é daqueles seres amados que se vão sem realmente partir.

  • É a típica operação “Me engana que eu gosto”… Um dos estados que mais gasta com publicidade e propaganda, além de ter ao seu lado toda a imprensa (que garante não ser parcial em mmento algum, legal), o Amapá está bem servido…tamos arrumados mesmo!

  • Em 2006 tem aquele suposto “precatório” para o Jornal do Dia(12).R$ 7.100.000,00(sete milhões e cem mil).O Waldez Góes e a Direção da PROG à época,vai responder por crime de responsabilidade e/ou devolver o dinheiro ao erário público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *