Bimotor cai em Monte Dourado e mata 10 pessoas

Do Portal ORM

Corpos de acidente aéreo devem chegar hoje a Belém
Bimotor caiu em Monte Alegre, região de Almerim

O Centro de Perícias Renato Chaves, deve receber, na tarde desta quarta-feira (13), os corpos das vítimas do acidente aéreo com um bimotor em Monte Dourado, distrito de Almerim, no Baixo Amazonas, ocorrido no início da noite da terça-feira (12).  Dez pessoas morreram.

O acidente foi confirmado pelo Centro de Comunicação da Aeronáutica em Brasília, na manhã desta quarta-feira (13). A queda ocorreu no momento do pouso, por volta das 20 horas e todos os ocupantes da aeronave morreram. De acordo com as primeiras informações da Aeronáutica, o avião, que pertence a empresa Fretax, de táxi aéreo, caiu a cerca de 4 km do aeroporto de Monte Alegre, próximo a uma plantação de eucalipto.

Segundo informou o tenente Ricardo Silva, do Comando de Salvamento Aéreo Amazônico, a queda ocorreu quando o piloto já havia avisado que iria pousar. ‘A equipe da região já estava aguardando a aeronave. Como ela demorou, eles saíram para tentar localizá-la, sendo encontrada há quatro quilômetros da pista, onde constatamos que todos os oito ocupantes haviam morrido’, contou. As causas do acidente estão sendo investigadas pelo Seripa 1 (Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Outro lado – Em nota, a Freta Táxi Aéreo, confirmou o acidente ocorrido por volta das 20h30 de terça-feira (12), com a aeronave de sua propriedade, modelo Embraer 821-Carajás, prefixo PT-VAQ. A empresa afirma que 10 ocupantes, sendo um tripulante e nove passageiros estavam na aeronave na cidade de Monte Dourando, quando a mesma sofreu o acidente. ‘No momento a empresa está tomando todas as providencias junto aos familiares, que receberão todo suporte e informações necessárias. A aeronave encontrava-se em prefeito estado e estava com a revisão atualizada, assim como o tripulante com a habilitação e exames médicos válidos. A empresa já passou todas as informações necessárias ao Seripa-1 e Anac, para que as causas dos acidentes sejam esclarecidas o mais rápido possível. O presente incidente está causando em toda empresa um profundo pesar.’, finaliza a nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *