Câmara decide posse de Janete nesta terça

Brasília, 11/07/2011 – Passados quase seis meses do início da legislatura e 42 dias depois de expedido o diploma, a Mesa Diretora da Câmara dos Deputados deve analisar, nesta, terça, 12, às 9 horas, o relatório do deputado Eduardo da Fonte (PP/PE) que determina a posse da deputada federal eleita Janete Capiberibe (PSB), finalmente obedecendo a decisão judicial do Supremo Tribunal Federal – STF que resultou na diplomação da socialista pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá – TRE-AP.

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), em 23 de março, determinando a validade da Lei Complementar 135/2010 para2012, adeputada teve o registro da sua candidatura reconhecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que o havia indeferido, contrário à decisão TRE-AP.

Janete Capiberibe recebeu o diploma do TRE dia 1º de junho, tendo sido a parlamentar mais votada do Amapá para o cargo pela 3ª vez consecutiva, com 28.147 votos, 8,28% dos votos válidos. A socialista exerceu mandatos de deputada federal de 2003/2006 e 2007/2011.

Em 2004, teve seu diploma cassado pelo TSE, junto com o de seu companheiro João Capiberibe, em processo movido pelo PMDB do Amapá acusando-os de terem comprado dois votos ao preço de R$ 26,00 cada um pagos em duas parcelas.
Janete Capiberibe afirma que “limpará da sua biografia a mancha causada pelo processo fraudulento”. João Capiberibe aguarda o voto do ministro Luiz Fux, com base na decisão tomada pelo STF, em março, para que tenha reconhecido o registro da sua candidatura e seja diplomado pelo TRE-AP.

(Sizan Luis Esberci, da assessoria de comunicação de Janete Capiberibe)

  • Parabéns mulher guerreira, voce merece muito mais e o Amapá também, um grande abraço companheira Janete o povo amapaense ta feliz com o teu sucesso.

  • Que é isso Roque! em uma democracia a opinião
    de cada um deve ser respeitada, concordando ou não com ela, sendo medíocre ou não.

    • Concordo que as opiniões devem ser respeitadas. O que me incomoda é esse nhen-nhen-nhen (em tupi significa falar, falar, falar) e essa postura do caranguejo na lata, que mexe, mexe e não toma uma atitude que promova mudanças político-sociais.

  • Quer apostar como este espaço vai ficar lotado de comentários dos pró e dos contra a Janete? As pessoas deveriam adotar uma postura crítica e preventiva com relação à situação política do país, e deixar de lado esse comportamento medíocre de puxar a sardinha para esse ou aquele candidato.
    Quando a questão envolve assuntos demográficos ou ambientais, por exemplo, ninguém se manifesta. Oh, capacidade intelectual reduzida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *