Campanha de combate à LER

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), por intermédio do Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), realizará amanhã, terça-feira, uma campanha de prevenção à Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho (Dort).

A ação é alusiva ao Dia Internacional de Combate à LER/Dort e se concentrará em bancos e sindicatos que representam trabalhadores de serviços de conservação e limpeza. As equipes da Sesa levarão para essas instituições orientações de como se prevenir da doença.

Pesquisas apontam que a LER/Dort é a segunda causa de afastamento do trabalho no Brasil. Somente nos últimos cinco anos foram abertas 532.434 CATs (Comunicação de Acidente de Trabalho) geradas pelas LER/Dort, sem contar os trabalhadores que pleiteiam na Justiça o reconhecimento do nexo causal, em milhares de ações movidas em todo o país. A cada 100 trabalhadores na região Sudeste, por exemplo, um é portador de Lesão por Esforço Repetitivo.

Segundo a terapeuta ocupacional do Núcleo de Ergonomia do Cerest, Simone Alves, neste mês o Ministério da Saúde aprovou o protocolo que cria a rede de cuidados às pessoas acometidas por LER no Estado. “Com a criação da rede será possível implantar um banco onde cadastraremos esses pacientes e posteriormente oferecer um atendimento adequado a eles”, explicou.

Para o secretário de Estado da Saúde, Edilson Mendes Pereira, a prevenção é a melhor forma de se combater qualquer tipo de doença. “Devemos atuar na prevenção não somente de distúrbio relacionados à LER, mas na prevenção de outras patologias. Com essa estratégia reduzimos custos, além de tratar a doença ainda no início, oferecendo maior chance no tratamento”, concluiu.

(Alieneu Pinheiro/Sesa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *