Domingo é dia de show

O Amapá tem valores artísticos que a sociedade precisa e deve valorizar.
São artistas já conhecidos como Amadeu Cavalcante e pessoas ainda não conhecidas, mas com talento a ser mostrado como Loren Lua, Anne Ariel, Hannah Bárbara e Rosane Rodrigues, filhas e esposa que, a convite de Amadeu Cavalcante participaram da gravação de um CD comemorativo aos trinta anos de sua carreira.
Foram gravadas dez músicas de sua autoria em parceria com Joãozinho Gomes, Aldo Moreira e Wilson Cardoso, com mistura de ritmos da nossa região como o marabaixo e o batuque em fusão com o pop rock e outros ritmos universais, pretendendo dar continuidade à história no cenário musical e cultural de nosso Estado, contribuindo assim para a formação de platéias.
(Texto: Assessoria de comunicação do artista)

  • Belíssimo show! Em uma mistura de talento, beleza e simplicidade, Amadeu Cavalcante, o mestre da música amapaense, juntamente com suas filhas e esposa, estremeceram o teatro das bacabeiras com timbres invejáveis e uma aula de afinação e formosura!Parabéns, família Cavalcante, pelo exemplo de união e dedicação à musica!

  • Poxa legal, estive lá ontem presigiando mais um nome da rica cultura amapaense, SHOW, SHOW MESMO SABIA, fiquei triste no final ao meditar duas coisas.
    A primeira é após o Amadeu ler uma extensa relação de colaboradores e patrocinadores que são necessários para eventos desse porte e não ouvi nada ou quase nada de apoio do setor público, pois mesmo com a “crise” ainda tinha UM MILHÃO PARA O CARNAVAL, QUE NADA FAZ PARA FAZER SEU PRÓPRIO CAIXA, AO CONTRÁRIO DA FAMÍLIA CAVALCANTE, VÍ UMA DE SUAS FILHAS CORRENDO ATRÁS PARA VENDER SEUS INGRESSOS, MESMO SABENDO QUE É MUITO POUCO, MAS CORRERAM ATRAS, QUE SIRVA DE EXEMPLO…
    A outra OBSERVAÇAO fica por conta de termos tantos talentos aqui conosco, sabe, nao vou citar nomes prá não incorrer em injustiças…, porém nós amapaenses não prestigiamos nossos artistas, que não deixam a desejar em relação a outros que caminham divulgando sua arte e talento mundo afora, lamentavelmente ainda prestigiamos micaretas de artistas de talento duvidos(de fora), carnaval em cuja base somos nós que pagamos duas vezes e o lOCAL, CADÊ NOSSA CULTURA, SERÁ QUE ELA É TÃO INSIGNIFICANTE ASSIM, OU NA REALIDADE GOSTAMOS DE PORCA…..???
    Para confirmar aquilo que falo, no retorno prá minha residência, aquela área do sambódromo estava pronta prá receber mais uma micareta…ao ir para meu trab alho pela manhã ainda se via pelas paradas de ônibus jovens jogados nos assuntos “AMANHECIDOS” depois de pularem e beberem a MICARETA…

  • Que legal vermos essa família mostrando seus talentos””””parabéns família “Amadel Cavalcante”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *