• Olá, gostei de ver que mais pessoas curtem essas relíquias, em especial o “Rei dos rádios no Brasil”. Sou admirador e colecionador desse rádio espetacular; possuo atualmente 7 rádios diferentes, é uma beleza; das pesquisas que fiz são 11 rádios diferentes, estou a procura dos 4 que me faltam. Abraços!

  • Somente agora descobri tua tão importante matéria. Tenho tres Transglobes e me interesso em ter mais deles em minha coleção. Continue publicando mais acerca deles. Se te interessar posso enviar-te algum material a esse respeito. Considere-me respeitosamente teu amigo. Felicidades. Varginha-M.G. – Maio, 2012.

  • Quando você não tem mais nada para fazer, você só deseja. Fecha os olhos, e fim. Que aconteça alguma coisa bem bonita com você.

  • Oi, gente boa tarde, olha somente agora conheci voces, que legal, estava me sentindo sozinho nessa estrada, hoje tenho 56 anos, e quabdo tinha, por volta de 7 anos, meu pai tinha um TRANSGLOBE da Philco, que coisa linda, ele usava nos pés, qunado saia de caminhonete, era o rádio do carro dele, quanta diferença para os dias de hoje, não é mesmo ? vou procurar alguem legal que me de algumas dicas de como colocar uma fonte, para eliminar as pilhas, mas ele é simplesmente formidável, sete faixas. Obrigado meu e-mail é nogueiraadv@linkbr.com.br. forte abraço a todos.

  • Tenho um Transglobe deste , um 481B, morei em Belém-PA de 1970 a 1974, escutava os jogos do meu América-, o Diabo Rubro, com um Phllips que parecia com o Transglobe, possuia teclas, escutava os jogos, na Globo, Tupi, havia ganho de presente de casamento deum tiode Teresópolis-RJ. Adoro rádio, Abçs.

  • O seu Jorge, mecânico que ainda mora aí na A. Barroso, tinha um desses, onde escutávamos a voz da américa, BBC e jogos da Belém. Quanto à época desse rádio, creio que era do tempo em que a Fortaleza era de madeira.

  • SOU APAIXONADO POR RÁDIO E POSSUO UM TRANSGLOGE 9 FAIXAS
    É UMA VERDADEIRA RELÍQUEA, ABRAÇOS

  • Boa Tarde, Alcinéa!
    Sou apaixonado por rádios e, na minha coleção, não poderia faltar um Transglobe. Está funcionando perfeitamente em todas as faixas. É uma verdadeira relíquia…

    Abraços,

    Marcos A. G. Lima
    Rio de Janeiro.

  • Meus pais pertenciam ao MFC, por isso sempre estávamos na companhia do Pe Jorge Basile. Ele tinha um rádio enorme, com este da foto. Eu e meus irmãos éramos fascinados com aquele rádio que pegava várias faixas do mundo todo. Bons tempos….

  • Numa transmissão que fiz do Augusto Antunes na década de 70, tive que pagar para a Radiobrás porque esqueci (eu e o técnico argentino Henrique Colonella) um transglobe desses na cabine do estádio. O bicho estava em baixo da bancada e ficou lá. Nos até ainda voltamos mas era o lugar mais limpo.

  • O Moacir ( teu sogro,Pai do Tondo) e o Janjão se revezavam carregando um bicho desses pro Glicerão. Hoje taí … o Janjão com a coluna estourada.
    Bjs
    Mano

  • O Moacir Pai do Tondo) e o Janjão se revezavam carregando um bicho desses pro Glicerão. Hoje taí … o Janjão com a coluna estourada.
    Bjs
    Mano

  • Meu caro Milton Barbosa, a companheira Alcineia quer sacanear com a gente. Logo ela, que deu aula de mecanografia para os empregados da construção da Fortaleza de São José, paga pelo engenheiro Henrique Galúcio. hehehehehe

    • E vocês fizeram a cobertura jornalística da inauguração da Fortaleza kkkkkkkk
      Só não vou dizer quem fez o cerimonial porque ela fica braba rssss

  • Eu tive um!! E além de ouvir o mundo inteiro, ainda era radioescuta, com carteirinha e tudo. Tinha diplomas das rádios da Coréia, URSS, BBC, VOA, Alemanha e por aí vai. Era um barato!!!

    • Que interessante!
      Sugestão: se ainda tiveres estes diplomas posta no teu blog. O pessoal, com certeza, vai adorar.
      Beijos

  • Eu tenho um. Ouve-se transmissões em inglês, francês e espanhol. Basta mudar um faixas de ondas curtas.

  • Caramba, na foto ficou paraceido a um ar condicionado das antigas repartiçoes do G.T.F.A., daqueles que para serem carregados precisavam de pelomenos uns cincos machos.

  • Infelizmente não possuo uma relíquia como esta, mas bem que gostaria de ter. Era bom, antes da televisão ser inventada, ouvir Waldir Amaral, Eduvaldo Cozzi, Jorge Curi, Edir Proença, Guioberto Alves, Júlio Sales, Francisco Sales de Lima, Estácio Vidal Picanço e tantos outros bons narradores do rádio esportivo brasileiro. E vc nunca trocou as faixas de um transglobe? Me engana, que eu gosto.Bjs

    • Em casa também tinhamos um desses.
      Nele eu ouvia a BBC de Londres, A Voz da América, além das Rádios Globo, Tupi, Bandeirantes, Rádio Nacional do Rio de Janeiro e tantas outras, com sinal limpo e claro em ondas curtas. Excelente mesmo.
      Lembro também que agora estou com outro blog.
      Visitem o PORTA RETRATO ( http://porta-retrato-ap.blogspot.com ) e boas lembranças.
      Aguardo a todos.
      grande abraço

  • Meu pai tbm,o Alfredo (BICO) la do trem, é um transglob, compramos no mercadolivre, depois de procurar muito.
    abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *