Mais um blog sob censura

O blog do jornalista e escritor Fabio Pannunzio está sob censura.

Pannunzio é autor do livro “A última trincheira” e de reportagens investigativas de grande repercussão.  Foi ele quem descobriu a rota de fuga do empresário PC Farias e o paradeiro de Jorgina de Freitas, na Costa Rica, aquela fraudadora da Previdência Social.
Repórter político da TV Bandeirantes, baseado em Brasília, o jornalista está proibido de fazer em seu blog qualquer referência a mulher de um chefe de uma quadrilha internacional. Contra ela inclusive havia uma ordem de prisão, mas nem essa notícia o jornalista pode dar.
Clique aqui para saber mais, prestar solidariedade ao blogueiro e entrar na luta para garantir o direito à liberdade de expressão e de informação.

  • PROJECTO JUSTIÇA GONÇALO AMARAL – Nós, Cidadãos pela Defesa dos Direitos e Liberdades – Projecto Justiça Gonçalo Amaral, de acordo com o que está previsto no Artigo 52º da Constituição da República Portuguesa e na Lei nº 43/90, de 10 de Agosto, alterada pela Lei nº 6/93 de 1 de Março e pela Lei nº 15/20.03 de 4 de Junho e pela Lei nº 45/07, de 24 de Agosto, vimos pela presente declarar a nossa indignação face ao ataque perpetrado contra o direito à liberdade de expressão do Cidadão Gonçalo de Sousa Amaral, que viu ser censurado não apenas um livro (MADDIE, A VERDADE DA MENTIRA), mas também qualquer expressão, oral ou escrita, sobre a tese que defende. Com efeito, a decisão recente do tribunal de Lisboa de proibir, mais do que a venda de um texto, todo um raciocínio que lhe está subjacente – raciocínio esse que se encontra, comprovadamente, expresso, fundamentado e deferido, no âmago de um processo de investigação criminal -, constitui, na nossa opinião, um grave e preocupante precedente. Nunca, desde a Revolução de 25 de Abril de 1974, se havia assistido, neste País que tão valorosamente lutou na defesa da Cidadania responsável e livre, a tamanho ataque contra a Liberdade de Expressão, direito fundamental consagrado no Artigo 37º da nossa Constituição e no Artigo 19º da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Um ataque agravado pelo facto de a tese defendida pelo Dr. Gonçalo Amaral reflectir rigorosamente os factos de uma investigação já fora do segredo de justiça e já tornada pública, um raciocínio lógico e devidamente fundamentado. Concorde-se, ou não, com as conclusões a que chegou toda uma investigação policial, é indefensável proibir a sua reprodução e discussão. A Liberdade de Expressão, exercida com responsabilidade, é um direito inalienável de qualquer Cidadão Português, e não podemos aceitar sem protesto que se volte a perder algo que tanto custou a conquistar. Desta forma, solicitamos a imediata devolução do Direito de Expressão ao Cidadão Gonçalo de Sousa Amaral, ao abrigo da Constituição da República Portuguesa, e em respeito pelos Direitos Humanos universalmente consagrados.

  • Agora blogueiro é JORNALISTA? Porque quando reclamamos que vocês são parciais… vocês dizem, NÃO SOMOS JORNALISTAS…. SOMOS BLOGUEIROS. Qual é a desculpa agora?????????????????????????????????????

  • Pingback: Tweets that mention Alcinéa Cavalcante » Mais um blog sob censura -- Topsy.com

  • Alcinéa, muito obrigado pela sua solidariedade. Conheço há muito o caso de censura ao seu blog. Me indigna saber que o nosso país ainda permite a censura, especialmente quando os assuntos censurados são de grande interesse social e político.
    Fiquei honrado com o seu post. Espero que isso nos ajude a superar essa situação esdrúxula.
    Um grande abraço e a minha admiração.
    Fábio Pannunzio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *